- PUBLICIDADE -

Avenida Martin Luther será interrompida para montagem do viaduto do Cristo Luz

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Trader Jader Nogueira exibe ganhos milionários e contraria matéria do Fantástico

Publicação na rede social do influenciador viralizou e pessoas se identificaram

Mapa Bi copiaA partir das 22h da próxima terça-feira (28) até as 5h de quarta-feira (29), o trecho da Avenida Martin Luther, entre as ruas Iraque e Indonésia ficará interditado para colocação da estrutura de aço do viaduto que está sendo erguido no local.

Inicialmente a estrutura seria colocada durante o dia, mas como envolve guindastes muito grandes que poderiam atrapalhar o trânsito, a operação foi transferida para a madrugada quando o tráfego é menos intenso. De acordo com o presidente da Companhia de Desenvolvimento e Urbanismo (Compur), Niênio Gontijo, a estrutura tem 26 metros e envolverá grande atenção de toda equipe. “Assim que a estrutura for instalada os carros já poderão voltar a transitar por baixo dela normalmente”, explica.

De acordo com o secretário de Segurança, Adélcio Bernardino, os motoristas que vem no sentido Itajaí – Balneário seguirão o trajeto atual, mas farão um desvio pela Rua Iraque até a Avenida do Estado, seguindo num pequeno trecho pela contramão e retornando ao binário pela Rua Indonésia, conforme imagem do mapa em anexo. Agentes de trânsito também vão trabalhar durante toda madrugada orientando os motoristas na região.


COMENTE ABAIXO ⬇

Fique bem informado com as notícias do Click Camboriú através do Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan promove plantão de matrículas neste sábado com desconto exclusivo

Novos alunos ganharão desconto de 20% na primeira mensalidade de cursos presenciais; Quem optar por graduação EAD começa a pagar só em julho de 2021
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.