- PUBLICIDADE -

Comtur faz city tour para avaliar problema dos ônibus de turismo

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Comece bem o verão com marmitas caseiras da Light Food BC

Por sua qualidade de vida e saúde, nos dias quentes mantenha uma alimentação saudável com as marmitas da Personal Chef Fit Kris Borba

comturNa manhã desta quarta-feira, 24, o COMTUR, Conselho Municipal de Turismo, fez uma reunião diferente. Dentro de um ônibus de turismo, os integrantes avaliaram problemas enfrentados pelos ônibus de turismo ao transitarem entre os principais hotéis de Balneário Camboriú. Participaram da volta, o secretário de segurança, Adelcio Bernardino, o gestor do Fundo Municipal de Trânsito, Jaime Mantelli, a presidente do COMTUR, Olga Ferreira, o presidente da Aguitur, Jaci Batista Laurentino, as guias de turismo, Marivonte Baptista e Rosana da Silva, o guia de turismo e membro do COMTUR, Santiago Martin Navia e da secretaria de turismo, Carlos Dickmannn.

Segundo Santiago Martin, o COMTUR em parceria com a AGUITUR, convidou a secretarias de Segurança e de Turismo, para fazer o city tour e mostrar os problemas enfrentados pelos ônibus de turismo ao trafegar pela cidade, principalmente em ruas críticas, caminho para os principais hotéis com fluxo de turistas na cidade. O ônibus percorreu rotas entre as ruas 701, 501, 4000, 2000, 1522 e 1901. “Os ônibus são colocados como vilões por pessoas que não tem conhecimento do turismo e os problemas enfrentados pelos ônibus como carros, caminhões e motos estacionados nas vagas dos hotéis e esquinas”, disse Santiago Martin Navia.

Nesta semana o COMTUR e Aguitur estarão oficiando as secretarias de Segurança, Turismo, Obras e Planejamento e também ao prefeito, das ações sugeridas para melhorar o fluxo de ônibus de turismo na cidade.

São quatro as principais ações

1 – Fazer pequenas modificações nas ruas 701 e 4000, e ampliar as vagas de estacionamentos para ônibus frente aos hotéis Plaza, Vila do Mar e San Felice;

2 – Ampliar e melhorar a sinalização em esquinas nas quais os ônibus não podem virar;

3 – Tornar a fiscalização mais intensa frente às ruas identificadas como problemáticas, punindo infratores;

4 – Conscientizar os hoteleiros a informar a PM e os Agentes de Trânsito sobre veículos que utilizam de forma indevida a vaga destinada a seus clientes; as agências para agilizar o embarque de desembarque dos seus passageiros, e o PIT de Turismo na entrada para que verifiquem se a vaga no hotel, quando a entrada do ônibus à cidade encontra-se livre.

No city tour desta quarta-feira, o secretário de segurança, Adelcio Bernardino e o gestor do Fundo Municipal de Trânsito, Jaime Mantelli, testemunharam os problemas enfrentados pelos ônibus e relatam que vão analisar os pedidos das ações. Para Bernardino, o problema existe e com pequenas modificações e uma fiscalização mais eficiente, o problema do trânsito dos ônibus no centro da cidade poderá diminuir, mas Adelcio explica que não basta apenas que as ações solicitadas sejam feitas, há também um papel fundamental dos guias e operadores com relação aos motoristas que pouco conhecem a cidade. Em outra cituação, Adelcio acredita que muitos hotéis estão instalados em lugares que com o passar dos anos, foram se tornando inacessíveis para trânsito de veículos pesados. “É um problema que precisamos da ajuda do Planejamento. A cidade cresceu desordenadamente e é necessário que regras sejam implantadas pela Prefeitura, para coibir construções de hotéis em lugares inacessíveis para veículos de grande porte”, disse o secretário.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Mesmo com a pandemia, coleta para reciclagem aumentou 31% neste ano

Ainda em 2019, a coleta de recicláveis deu um salto em BC em decorrência da implantação de novas políticas públicas
- PUBLICIDADE -

Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.