- PUBLICIDADE -

Após polêmica, projeto do Conselho LGBTI de Itajaí é retirado de pauta

Vereador Edson Lapa se mostrou satisfeito com o recuo do governo e aguarda nova proposta "mais inclusiva"

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competências de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios englobam participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

EdsonLapa ©Davi Spuldaro CVI
Davi Spuldaro-CVI

Após pressão do vereador Edson Lapa (PR) e repercussão da proposta na imprensa local e nas redes sociais o Executivo Municipal cedeu e decidiu pela retirada de tramitação, na Câmara, do polêmico projeto de lei que pretendia criar o Conselho Municipal LGBTI na cidade. O projeto nº 81/2018 tramitou na Casa de Leis por 28 dias – de 13 de abril a 10 de maio.

O vereador Edson Lapa se mostrou satisfeito com a retirada do projeto. “Desde o princípio me posicionei contra o projeto por vários motivos. Um deles é a inexistência do Conselho Municipal de Direitos Humanos, como existe em Balneário Camboriú, por exemplo. Agora com a retirada, espero que o governo envie para a Câmara outro projeto, olhando para o macro, pensando em todos”, comentou.

O parlamentar acredita que o Conselho Municipal de Direitos Humanos contemple todas as minorias, inclusive os LGBTI’s “Sem dúvida que um projeto criando o conselho de Direitos Humanos é uma proposta mais inclusiva, até para os LGBTI’s. Respeito todos, sou vereador de todos, a cidade é de todos, e Direitos Humanos é para todos”, disse Lapa.

No começo de 2016 Lapa apresentou proposta para a criação da Comissão Permanente de Direitos Humanos na Câmara, mas foi rejeitada.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.