- PUBLICIDADE -

Mãe joga bebê recém-nascida no lixo em Balneário Camboriú

O caso aconteceu por volta das 15h do último sábado (28)

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

Uma bebê recém-nascida, de aproximadamente 28 semanas, foi encontrada em uma caixa de sapato dentro da lixeira de um prédio em Balneário Camboriú. O caso aconteceu por volta das 15h do último sábado (28).

A menina foi achada por um catador de lixo, que ligou para o Samu por volta das 15h, quando percebeu uma movimentação nos entulhos. Conforme o socorrista do Samu, Renaldo Marquato, a equipe chegou no local achando que era um animal e não esperava encontrar um bebê. 

Eles começaram a tirar os entulhos e ficaram muito surpresos quando viram a menininha viva. Ela estava de barriga para baixo, respirando com um pouco de dificuldade, mas não parecia estar lá há muito tempo”, relatou Renaldo.

A recém-nascida foi encaminhada ao hospital Ruth Cardoso, em Balneário Camboriú, onde foi entubada para preservar as vias aéreas. A menina está estável. 
A Polícia Civil foi acionada e vai buscar as imagens das câmeras de segurança do prédio para tentar identificar o responsável.

Após ser identificada, mãe que jogou bebê em lixeira é interrogada

A mãe que abandou um bebê recém-nascido dentro de uma caixa de sapato em uma lixeira de Balneário Camboriú foi identificada e interrogada pela Polícia Civil. O caso aconteceu no último sábado (28), na rua 3850.

A mulher, de 31 anos, foi identificada através de imagens de uma câmera de monitoramento. O vídeo mostra a mulher com um vestido preto e toalha na cabeça depositando a caixa de sapato, com o bebê dentro, em uma lixeira de um prédio. A mulher aparenta estar calma e não levanta suspeita.

A mão do bebê confessou o crime à delegada responsável pelo caso. “Ela narrou que soube que estava grávida e teve fortes dores que acabaram expulsando o bebê espontaneamente. Quando se deparou com aquela situação ficou muito nervosa, não soube o que fazer e acabou depositando o bebê em uma caixa de sapatos e colocando em uma lixeira”, disse a delegada ao portal ND+.

Após o abandono, ela mesma teria ligado para o SAMU e informado sobre a existência de uma criança na lixeira do prédio. Como a bebê nasceu prematura de sete messes, a delegada está investigando se a mãe realizou um aborto. Além disso a mulher, que já tem outros dois filhos que não moram com ela, está sendo investigada por abandono de incapaz.

A recém-nascida segue internada na UTI Neonatal do Hospital Ruth Cardoso. Apesar de toda a situação, a bebê segue estável, porém permanece entubada.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.