- PUBLICIDADE -

Vizinhos brigam em noite de natal e adolescente morre após ser esfaqueado

Homicídio aconteceu na Rua Portugal, no Bairro das Nações, em Balneário Camboriú

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

FACAS
Divulgação

Na madrugada desta segunda-feira (25), enquanto muitas famílias celebravam o natal, um desentendimento entre vizinhos terminou em morte no bairro das Nações, em Balneário Camboriú.

A Polícia Militar foi acionada através da central de emergência por volta da meia noite e meia para deslocar em ocorrência de esfaqueamento na Rua Portugal. No local, o esfaqueado Jakson Patrik Legowski Pinto, de 18 anos, já havia sido encaminhado pelo seu pai em um carro particular ao hospital Ruth Cardoso.

A guarnição fez contato com a esposa e com uma amiga do casal, que testemunharam o esfaqueamento e informaram que o agressor seria um adolescente de iniciais V.F. da L.S., e que o mesmo estaria na casa ao lado.

Com as informações, a guarnição deslocou a residência e encontrou o menor sentado no sofá. Ele informou que se envolveu em uma briga com Jackson, onde acabou o esfaqueando. Indagado sobre a faca utilizada para a prática do crime, o indivíduo informou que após esfaquear o vizinho guardou a faca utilizada na gaveta da cozinha.

Diante dos fatos a guarnição deslocou com o autor do fato, testemunhas e arma do crime à delegacia para os procedimentos cabíveis. Na delegacia a guarnição foi informada que Jackson havia entrado em óbito no hospital Ruth Cardoso.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.