DIC de Balneário Camboriú identifica assaltante de residência

Três homens armados assaltaram uma residência na Praia do Estaleiro

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Divulgação

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, apreendeu arma, munições e drogas, na manhã da última sexta-feira (10), durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão na cidade de Camboriú.

As apreensões foram resultado de uma investigação da DIC sobre um roubo cometido no mês de janeiro deste ano. Três homens armados adentraram em uma residência localizada na Praia do Estaleiro, em Balneário Camboriú, e anunciaram o assalto. Além de roubarem notebooks, joias e vários outros objetos, os suspeitos ainda subtraíram dois veículos das vítimas, sendo abandonados na sequência.

Com as investigações os Agentes da DIC apuraram que G.D.O.K., à época com 17 anos de idade, teria participado do roubo na companhia de outros comparsas ainda não identificados. Diante do que restou apurado nas investigações, a Autoridade Policial representou pela medida cautelar de busca e apreensão na residência de G.D.O.K. e um possível receptador de objetos roubados.

Na residência de G.D.O.K., localizada na Rua São Mateus, no bairro Rio Pequeno, em Camboriú, os policiais apreenderam um revólver calibre 38, munições do mesmo calibre, certa quantidade de maconha e cocaína, balança de precisão e outros objetos que serão analisados durante as investigações. Todo o material apreendido foi localizado no quarto do investigado. No momento das buscas, G.D.O.K. não se encontrava na residência.

Já em outra residência localizada na Rua Adaci Santos Gomes, no bairro da Barra, em Balneário Camboriú, nada do criem ora apurado foi encontrado, porém, confirmado que G.D.O.K. ofereceu-lhe dois notebooks subtraídos da residência das vítimas.

Como não foi possível à localização e consequente lavratura do Auto de Prisão em Flagrante, foi instaurado Inquérito Policial para apurar os crimes de tráfico de drogas, posse ilegal de arma de fogo, além de ser responsabilizado pela prática de ato infracional análogo ao crime de roubo, já que, quando da prática deste crime era menor de idade.

O investigado hoje com 18 anos, possui inúmeros antecedentes de crimes praticados na região de Balneário Camboriú, como roubo a residência e posse drogas, tendo cumprido medida socioeducativa por um período em um Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (CASEP) do estado em decorrência de outras investigações realizadas pela DIC de Balneário Camboriú – SC.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -