Atenção para o novo golpe em Camboriú

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Dois homens que aparentam ter entre 20 e 30 anos visitam casas e se identificam como funcionários da Secretaria de Saúde. Os estelionatários pedem documentos e informações pessoais dos moradores com a alegação de que irão cadastrá-los junto à Saúde. E, antes de partirem, os golpistas ainda cobram uma taxa de R$ 30 e a assinatura de um falso contrato.

A prática, conforme a secretária de Saúde Márcia Regina Freitag, não é habitual da secretaria, muito menos a cobrança de taxa.

A prefeita de Camboriú, Luzia Coppi, orienta que a população denuncie os golpistas as polícias Civil e Militar e não abra a porta de casa para desconhecidos. Os funcionários da prefeitura, quando visitam casas, estão sempre identificados, seja com veículo oficial, colete, uniforme ou crachá. Mesmo assim, salientou a prefeita, nenhum funcionário está autorizado a cobrar qualquer taxa.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -