Três propriedades foram vistoriadas pelo Produtor de Água

uma delas renovou o contrato

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Tear Escola de Negócios abre novas turmas com aulas aos sábados

Inscrições abertas para o Programa de Desenvolvimento de Líderes da Tear Escola de Negócios


A semana foi de vistorias do Produtor de Água, programa da Empresa Municipal de Água e Saneamento (Emasa), que visa a conservação e recuperação das áreas de preservação permanente das margens do Rio Camboriú. Três propriedades participantes receberam a visita técnica da equipe, uma condicionante para a liberação do Pagamento por Serviços Ambientais (PSA) e uma delas renovou o contrato.

Participante no Produtor de Água desde 2015, a propriedade de Leonila Silva Pinheiro de 30 hectares na localidade dos Caetés, está 95% contemplada no projeto. São 28,51 hectares, divididos em 27,95 ha de área de conservação e 0,57 ha de restauração. “Esta foi a última vistoria do atual contrato e a proprietária aceitou a renovação, isso nos deixa muito contentes”, disse a engenheira Ambiental, Rafaela Santos, que nessa visita foi acompanhada de representantes da Secretaria do Meio Ambiente de Balneário Camboriú (SEMAM), da Fundação do Meio Ambiente de Camboriú(FUCAM) e Comitê do Rio Camboriú.

Já na localidade dos Macacos, duas propriedades foram visitadas. Com uma propriedade de 15,63 hectares, Jorge Luiz entrou no projeto em 2017, inserindo uma área de 13,52 ha como área de conservação, equivalente a cerca de 86,5% do total. O produtor Ciro Meireles é participante desde 2016, com cerca de 93,67% de sua propriedade de 129,60 hectares inserida, sendo uma área de 121,40 ha com características de conservação de florestas e mananciais.

As propriedades participantes do Produtor de Água são vistoriadas a cada seis meses pela equipe de suporte técnico para liberar o valor do auxílio, que é calculado pela área inserida. “Durante as visitas verificamos se a área está sendo preservada e auxiliamos o participante tirando dúvidas e orientações. Nessas vistorias, todas estavam com tudo certo e será liberado o benefício”, explicou a engenheira Ambiental.

Adesão ao Produtor de Água

O Produtor de Água prevê ações de conservação da vegetação nativa e restauração de áreas degradadas, por meio de auxílio financeiro aos proprietários que integram o programa. Até o momento, a iniciativa conta com 26 propriedades parceiras e possui 1.129 hectares de área conservada, além de 59 hectares em processo de restauração.

O edital para fazer parte do programa continua aberto neste link, na aba “inscrições”. Os produtores rurais com interesse devem entregar os documentos necessários na sede da Emasa – 4ª Avenida, 250, Centro, das 12h às 18h, até o dia 6 de fevereiro de 2020. Confira mais informações no site da Emasa: www.emasa.com.br/produtordeagua. 


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Saiba onde comemorar o aniversário de Balneário Camboriú

Balaroti realiza no dia 20 de julho uma festa especial para os clientes
- Publicidade -