- PUBLICIDADE -

Praias do Estaleiro e Estaleirinho são aprovadas novamente pelo júri nacional do Bandeira Azul

As duas praias estrearam no Bandeira Azul em 2018

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Studio Volari vai presentear 100 pessoas com design de sobrancelhas, máscaras de led e de ouro e aula de pilates

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 2122-3230, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99635-7278

Pelo segundo ano consecutivo, as praias do Estaleiro e Estaleirinho foram aprovadas pelo júri nacional do programa Bandeira Azul. O resultado foi divulgado na semana passada. Em maio, a Secretaria do Meio Ambiente (SEMAM) solicitou a renovação do certificado do programa para a temporada 2019/2020.

O júri nacional analisou a documentação enviada pelo Município, com o objetivo de verificar se os requisitos do programa estão sendo cumpridos. A próxima etapa será obter a aprovação do júri internacional. As duas praias estrearam no Bandeira Azul em 2018.

“Essa aprovação pelo júri nacional é um procedimento padrão que ocorre todo ano nessa época em função da entrega da documentação, dos questionários em que comprovamos tudo o que foi feito na temporada passada, as atividades de educação ambiental realizadas, os aprimoramentos na infraestrutura, o que foi feito e o que vai ser feito para esta temporada. Em setembro, passará pelo júri internacional. Se forem aprovadas, as praias terão a Bandeira Azul hasteada novamente em dezembro”, diz o oceanógrafo especialista em gestão de praias do comitê gestor do Bandeira Azul, Luidgi Marchese.

O selo internacional é concedido a praias e marinas que atenderam a uma lista de critérios ligados a questões ambientais e qualidade da água.

Sobre o Programa*

O Programa Bandeira Azul foi criado pela Foundation for Environmental Education (FEE), uma instituição internacional com integrantes representando seus respectivos países. No Brasil, o Operador Nacional do Programa é o Instituto Ambientes em Rede (IAR).

As praias, marinas e embarcações inscritas no programa comprometem-se com o cumprimento de critérios propostos. Para ser certificada, a praia/marina/embarcação deve ser inicialmente aceita pelo Operador Nacional, recomendada pelo Júri Nacional e aprovada pelo Júri Internacional.

O Júri Internacional é composto pela Foundation for Environmental Education (FEE), World Conservation Union (IUCN), European Union for Coastal Conservation (EUCC), United Nations Environmental Program (UNEP), World Tourism Organization (WTO), World Health Organization (WHO), International Life Saving (ILS), International Council of Marine Industry (ICOMIA) e Reef Check Program.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.