Esgoto do Centro e Praia dos Amores estão sendo fiscalizados em Balneário Camboriú

A fiscalização verifica a situação das ligações hidrossanitárias, através de testes de fumaça e lançamento de corantes na rede de esgoto

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

CELSO PEIXOTO / Divulgação

O programa Se Liga na Rede, da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMASA), está fiscalizando as redes de esgoto das residências e estabelecimentos comerciais nas ruas do Centro de Balneário Camboriú e Praia dos Amores. A fiscalização tem o objetivo de verificar a situação das ligações hidrossanitárias, através de testes de fumaça e lançamento de corantes na rede de esgoto.

Até o momento, o programa já realizou os testes de fumaça nos bairros Pioneiros, Nações, Praia dos Amores e em 20% do Centro do município. A segunda etapa da fiscalização, que é a realização dos testes de corante dentro das residências, foi feita nos bairros Pioneiros, Nações e em 50% da Praia dos Amores. “Além da fiscalização, os fiscais e técnicos também orientam as pessoas na utilização correta da rede de esgoto para evitar a poluição dos nossos rios e ajudar na balneabilidade das nossas praias”, comentou o diretor da EMASA, Carlos Haacke.

De acordo com o último balanço divulgado pela EMASA foram vistoriados 5.979 imóveis, sendo que 3.568 irregularidades foram encontradas. As principais irregularidades constatadas nas residências são a inexistência da caixa de gordura (35%), água pluvial conectada à rede de esgoto (25,6%), inadequações na caixa de gordura (23%), não conectado à rede esgoto (8,4%), conectado parcial à rede de esgoto (5,7%), existência de fossa, filtro/sumidouro (1,06%) e esgoto sanitário conectado à rede pluvial (0,78%). E dos 850 imóveis já reinspecionados, apenas 414 estão regularizados.

Segundo a fiscal sanitarista do programa, Beatriz Nunes, se for encontrado alguma irregularidade após a inspeção o morador é notificado. “Com a notificação, a pessoa tem 45 dias para se regularizar e então realizamos a reinspeção para verificar se as inadequações foram sanadas. Caso não tenha sido regularizado o problema, entra a parte da intimação onde o consumidor tem 15 dias para entrar com a defesa na EMASA. E se mesmo assim não for solucionado o problema, a pessoa será multada”, explicou.
Confira algumas orientações do Programa Se Liga na Rede:

– O imóvel deve ter caixa de gordura. Limpe periodicamente, coloque resíduos em recipientes plásticos e envie junto com o lixo ou doe para a reciclagem;

– Não despeje gordura de alimentos ou óleo de cozinha na rede esgoto;

– Não jogue lixo no vaso sanitário ou nas caixas de esgoto;

– A rede de esgoto da EMASA não foi projetada para receber as águas da chuva. Por isso, se fizer ligação da rede pluvial na rede de esgoto, o sistema pode transbordar, causando a proliferação de doenças e mau cheiro.

Qualquer dúvida ou informação pode ser esclarecida pelo telefone 0800 643 6272.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -