- PUBLICIDADE -

Procon de Itajaí divulga pesquisas da Cesta Básica e de Grandes Marcas

Foram percorridos os supermercados Angeloni, Atacadão, Bistek, Comper, de Angelina, Fort, Koch, Maxxi e Xande

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competências de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios englobam participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

Divulgação
Divulgação

O Procon de Itajaí percorreu de 31 de outubro a 01 de novembro nove supermercados de Itajaí avaliando o preço dos produtos da cesta básica e também de grandes marcas, que é um diferencial da pesquisa realizada na cidade. Com relação ao mês de outubro, houve aumento de cerca de 4% no somatório dos itens de menor valor e de 2% nos itens de maior valor da cesta.

A pesquisa da cesta básica avalia 21 itens, sempre buscando o menor preço de cada produto, não levando em conta suas qualidades e/ou marcas. No mês passado, se o consumidor comprasse todos os itens mais baratos da pesquisa, pagaria R$ 70,57. Já neste mês terá que desembolsar R$ 73,71. Já para comprar os itens mais caros, investiria R$ 122,57 em outubro. E neste mês, R$ 124,47.

A pesquisa da Cesta Básica demonstrou que o Papel Higiênico (quatro rolos de 30 metros) teve a maior variação de preço, e pode ser encontrado de R$ 1,49 a R$ 6,29. Diferença de 322,15% entre o mais barato e o mais caro. A banana caturra, por sua vez, teve a menor variação de preço de 28,14%, o valor do quilo ficou entre R$ 2,95 e R$ 3,78. Comparando a pesquisa do mês anterior o preço da banana caturra, tomate e leite tiveram as mais significativas reduções. Já o feijão, a batata lavada e a margarina sofreram o maior aumento de seus valores.

Pesquisa de Grandes Marcas

Na pesquisa Grandes Marcas, a análise é feita em 32 produtos de marcas específicas. A menor variação foi constatada no preço da Carne Moída de primeira, com 29,96% entre o mais barato e o mais caro. Já a maior variação foi constatada no preço do fermento Royal, que teve uma diferença de preço de 129,50% entre o mais barato e o mais caro. O somatório dos preços dos itens mais baratos das grandes marcas ficou em R$ 199,59 e o dos itens mais caros chegou a R$ 312,12, uma variação de 56,38%.

Na comparação com o mês de outubro, a soma dos itens mais baratos era de R$ 200,62 e a dos itens mais caros era de R$ 311,86, ou seja, observou-se que na pesquisa de produtos “Grandes Marcas” uma variação de -1% no resultado do somatório dos preços de menor valor.

Foram percorridos os supermercados Angeloni, Atacadão, Bistek, Comper, de Angelina, Fort, Koch, Maxxi e Xande. Faça o download da pesquisa nos links abaixo do texto.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.