Esgoto do Brava Sushi é refeito após rompimento acidental

Estrutura foi reforçada após ser danificada por maré e marolas

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

À esquerda, o cano rompido pela força da maré; à direita, a nova estrutura, que vai evitar que o rompimento volte a ocorrer.

Na última quinta-feira, 25.abr.2019, a Emasa, através do programa “Se Liga Na Rede”, interditou os restaurantes Brava Sushi e Anker Burguer, situados na beira do Rio Camboriú, na Barra Sul, após identificar um cano rompido no sistema de esgoto dos restaurantes.

Ao realizarem a fiscalização de rotina, os fiscais perceberam que existia um vazamento e notificaram os restaurantes a realizarem o reparo. Por conta do ocorrido, ambos os estabelecimentos foram interditados até que a correção fosse feita.

Os sócios-proprietários dos restaurantes, Andrey Arl e Rodrigo Isler, explicam que os estabelecimentos, por estarem localizados próximos ao Rio Camboriú, sofrem com a força das ondas que são formadas pela maré e passagem de barcos. Por conta disto, parte da estrutura de esgoto existente nos restaurantes foi atingida e danificada, ocasionando o rompimento.

Segundo os sócios, eles jamais poluiriam o Rio propositalmente. “O vazamento não condiz com a política e código de ética da nossa empresa. Mesmo porque, a saúde do rio Camboriú beneficia nossos restaurantes, uma vez que estar a beira dele é o nosso atrativo principal”, comunicaram através de uma nota de esclarecimento enviada à imprensa.

Ao Click Camboriú, Andrey explicou que “todas as unidades do grupo possuem rígido controle de esgoto. Ao contrário do que saiu na maior parte da imprensa, temos sim sistema de esgoto e nunca despejamos nada direto no rio. Tudo não passou de um acidente, que prontamente solucionamos”.

O restaurante não foi liberado para funcionamento no final de semana, pois os consertos foram finalizados no final da tarde de sexta-feira, e não havia tempo hábil para uma nova fiscalização por parte dos órgãos competentes. A previsão, segundo os proprietários, é que o atendimento seja restabelecido na segunda-feira, após a nova vistoria.

As fotos dos canos antes e depois do reparo comprovam que o sistema de esgoto existia, porém foi danificado.

Confira a nota de esclarecimento na íntegra:

O Grupo Brava Sushi vem a público esclarecer o motivo pelo qual a unidade de Balneário Camboriú e o Anker Burger foram interditados nesta sexta-feira (26/04/2019).

Os estabelecimentos, por estarem localizados próximos ao Rio Camboriú, sofrem com a força das ondas que são formadas pela maré e passagem de barcos. Por conta disto, parte da estrutura de esgoto existente nos restaurantes foi atingida e danificada, ocasionando o vazamento.

Assim que nós obtivemos conhecimento do ocorrido, profissionais foram chamados e o conserto da caixa foi realizado. Contudo, não havia tempo hábil para uma nova fiscalização por parte dos órgãos competentes antes do final de semana.

O vazamento não condiz com a política e código de ética da nossa empresa. Mesmo porque, a saúde do rio Camboriú beneficia nossos restaurantes, uma vez que estar a beira dele é o nosso atrativo principal.

No momento do acidente que ocasionou a ruptura do encanamento, imediatamente nossa equipe foi acionada e solucionamos o problema. Nossos restaurantes possuem tratamento de esgoto e o ocorrido foi um acidente. Nossa equipe agora trabalha para restabelecer o atendimento normal.

Destacamos, por fim, que o Grupo Brava Sushi opera a mais de 9 anos na região e nunca teve um episódio como este antes. O que ocorreu foi uma fatalidade, pois sempre prezamos pelo cumprimento da legislação vigente.

Nos colocamos à disposição para eventuais esclarecimentos.

Grupo Brava Sushi.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -