- PUBLICIDADE -

Reinicia obra de vedação dos anéis em galeria da Avenida Atlântica

Para realização dos trabalhos o trânsito ficará em meia pista entre as ruas 3100 e 3700

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Comece bem o verão com marmitas caseiras da Light Food BC

Por sua qualidade de vida e saúde, nos dias quentes mantenha uma alimentação saudável com as marmitas da Personal Chef Fit Kris Borba

GALERIA 5
Divulgação

Iniciou nesta quarta-feira (27), mais uma etapa de reestruturação da galeria da Avenida Atlântica, na Praia Central de Balneário Camboriú. O serviço é feito pela equipe da Secretaria de Obras e consiste em abrir as laterais e vedar as juntas das aduelas. Essa é a segunda intervenção feita no local este ano. A primeira, realizada em julho, serviu para identificar que as aduelas utilizadas na montagem da estrutura da galeria apresentaram, de fato, deficiências de encaixe e vedação, que culminaram no carreamento de material para dentro da galeria e consequentemente, o afundamento do pavimento asfáltico.

“Na época fizemos a vedação das juntas no trecho entre as ruas 3900 e 3700, de forma experimental e obtivemos resultados positivos, e agora iniciamos o mesmo serviço no trecho entre as ruas 3100 e 3700. Vamos recompor as camadas de base e deixar a estrutura do pavimento preparada para receber a camada de pavimentação do Programa de Requalificação do Sistema Viário”, informa o engenheiro Djandro Goulart, responsável pelo serviço.

Para realização dos trabalhos o trânsito ficará em meia pista neste trecho.

Relembre o caso

De acordo com o cronograma inicial, o Programa de Requalificação do Sistema Viário de Balneário Camboriú, que iniciou em agosto deste ano, faria sua primeira intervenção na Avenida Atlântica. Mas, ao iniciar os trabalhos, foram encontrados problemas estruturais na via.

Os trabalhos de requalificação do sistema viário continuaram conforme o cronograma apresentado, entretanto, houve uma pausa na aplicação de massa asfáltica na Avenida Atlântica para reparação da camada de base que se mostrou instável nos pontos de infiltração da galeria pluvial. Esses pontos críticos não podem ser preenchidos apenas com material asfáltico, tendo como agravante que a estrutura subjacente do pavimento se encontra tão fragilizada que não suportaria a ação dos equipamentos de compactação, por isso foi interrompido a ação na orla marítima.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Mesmo com a pandemia, coleta para reciclagem aumentou 31% neste ano

Ainda em 2019, a coleta de recicláveis deu um salto em BC em decorrência da implantação de novas políticas públicas
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.