Fiscalização noturna notifica comércios irregulares em Camboriú

Operação da Secretaria de Finanças começou no Taboleiro e Monte Alegre e vai percorrer todos os bairros da cidade. Empresas notificadas têm até oito dias para se regularizar

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Divulgação

A Secretaria de Finanças de Camboriú montou uma equipe de fiscalização para averiguar a regularidade de empresas que atuam no período noturno em Camboriú. Na noite da quinta-feira, dia 11, a operação percorreu as ruas Guaraparim e Agulhas Negras, nos bairros Taboleiro e Monte Alegre. O secretário Fernando Garcia Junior, acompanhado dos fiscais, liderou a ação e verificou alta quantidade de negócios irregulares. “Muitas das empresas que visitamos não estavam com alvará em dia”, conta. Quem recebeu notificação tem até oito dias para se regularizar junto à Prefeitura.

De acordo com o prefeito Elcio Kuhnen, o procedimento de visita fiscal cadastral é de suma importância para o Município. “As visitas fiscais serão realizadas continuamente, dia e noite. Precisamos regularizar as empresas da cidade para que contribuam com o desenvolvimento de Camboriú”, defende. Segundo o secretário Fernandinho Garcia, há uma expectativa de crescimento da arrecadação da Prefeitura com as operações. “Se não há fiscalização, a cidade deixa de arrecadar. Quem perde é a população”, reforça.

Na sexta-feira, dia 12, alguns dos comerciantes notificados já procuraram a Secretaria de Finanças para se regularizar. “Quem não renovou seu alvará de funcionamento até o dia 28 de fevereiro se encontra em situação irregular. O objetivo da ação é assegurar que todas as empresas da cidade funcionem dentro da legalidade”, encerra o secretário.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -