- PUBLICIDADE -

Treinador revela os segredos do líder invicto da série B do Catarinense

Após 46 anos sem participar de competições profissionais, o Barroso comemora a liderança invicta e a defesa menos vazada do campeonato

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competências de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios englobam participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

barroso-lider-invicto
Divulgação

O Barroso encerrou o primeiro turno da série B do Catarinense com resultados surpreendentes. Após 46 anos sem participar de competições profissionais, o time comemora a liderança invicta e a defesa menos vazada do campeonato. Mas apesar da conquista inesperada na primeira fase, Renê Marques, treinador do alvi-verde, comenta que o o Barroso já vem se preparando desde o início do ano para esta competição. “Toda a minha equipe estudou a série B do Catarinense em detalhes e, com certeza isso fez diferença na montagem do elenco, e no resultado do trabalho até aqui.”

O treinador explica que este é um campeonato de alto nível pela qualidade dos jogadores e também de força, marcado pelos campos mais pesados, onde muitos resultados são decididos em lances de bola parada. Renê comenta ainda que Santa Catarina tem atraído jogadores de alto nível em todas as divisões e não é pra menos. Santa Catarina é um dos estados que mais cresceu em termos de futebol profissional nos últimos anos. Em 2015 superou o Rio de Janeiro, ficando atrás somente de São Paulo em número de equipes disputando o Brasileirão. Outro fator que contribui para atrair os melhores atletas, especialmente na série B do estadual, é a estabilidade oferecida no campeonato, que é mais longo e conta com 18 rodadas de pontos corridos e 5 meses de duração. A Série D do Brasileiro, que acontece no mesmo período e dividida em chaves e mata-mata, onde o jogador pode ser eliminado logo no início da competição.

Renê define o resultado deste primeiro turno em uma palavra: equilíbrio. Matematicamente, das 10 equipes na disputa, 8 tem condições de conquistar o acesso e isso faz com que o campeonato exija muito mais cautela. Exatamente por isso, apesar da vantagem o técnico do Barroso diz que não faz contas. Cada jogo deve ser encarado como uma guerra em busca de 3 pontos já que ninguém tem uma vantagem segura para relaxar em campo.

Desde a primeira partida o Barroso contou com uma análise detalhada de seus adversários e do desempenho dos próprios jogadores. O treinador conta que desde que montou este elenco trabalhou com a possibilidade de contar com todas as opções. “Assim administramos o time aproveitando as melhores características dos nossos jogadores e impondo o ritmo de jogo a partir das características do elenco adversário”, completa.

Com 5 pontos de vantagem para o segundo da tabela, o segundo turno é promissor. Apesar disso, Renê conta que é natural que a maior parte dos times convoque reforços, especialmente de jogadores já eliminados na série D do Brasileiro. “Além disso, esta virada de turno tem impacto psicológico nos jogadores, que aproveitam para começar do zero e renovar a motivação no campeonato”. O Barroso é o time a ser batido neste segundo turno e a equipe se prepara intensificando os treinamentos e buscando pontos importantes fora de casa, para que os jogos em casa sejam defendidos com mais tranquilidade em busca do acesso.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.