Divulgação

Nesta quinta-feira, 14.mar.2019, às 20h, o Teatro Municipal Bruno Nitz receberá um recital de música espanhola. O Concerto das Seis Cordas, como é chamado o espetáculo, traz obras de Albéniz, Moreno-Torroba e Tárrega tocadas no violão pelo multi-instrumentista e compositor Marcos Pablo Dalmacio, além de suas peças autorais. O artista também utiliza mídias visuais durante a apresentação.

Os ingressos custam R$ 20 a inteira, sendo R$ 10 a meia-entrada, e já estão disponíveis no site www.ticketmais.com.br e na própria bilheteria do teatro, localizado na Avenida Central, esquina com a Rua 300 – Centro. A classificação indicativa é livre. 

Sobre o artista

Multi-instrumentista e compositor, Marcos Pablo Dalmacio desde cedo mostrou interesse por diversos aspectos da prática musical, o que o levou a se dedicar com igual afinco ao violão, violino, viola, composição, pesquisa musicológica, regência orquestral e à interpretação de música antiga com instrumentos de época (vihuela, alaúde, guitarra renascentista, guitarra barroca, guitarra clássico-romântica, terz guitar e mandolina). Seu repertório inclui desde peças da renascença interpretadas na vihuela ou no alaúde até estreias de obras recentes para violão e orquestra. Dalmacio registrou parte deste repertório em quatro trabalhos discográficos. Como concertista e professor, conta com apresentações em festivais, séries de concerto, conservatórios e universidades no Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai, Peru, Espanha, Portugal e França. Marcos Pablo Dalmacio é diretor artístico e violinista da Orquestra de Cordas da Ilha, com a qual realiza concertos em numerosas cidades, apresentando repertórios inéditos no país e contando com a participação de prestigiosos solistas.

Gerente administrativo da Praiana admitiu que o projeto de integração foi divulgado de maneira confusa.

Posted by Click Camboriú on Tuesday, March 12, 2019


COMENTE ABAIXO ⬇

resposta(s) publicada(s). (Obs.Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site)