- PUBLICIDADE -

Teatro Bruno Nitz recebe show ‘Histórias para Cantar’, de Ere Mar, nesta terça-feira, 19

A entrada é gratuita

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Camboriú Play recebe o youtuber Natan Por Aí nesta sexta-feira, 12

O podcast acontece ao vivo às 13h30, pelo canal do Camboriú Play no YouTube
Ere Mar 2 Divulgação
Divulgação

O show “Histórias para Cantar”, do cantor Ere Mar, será reapresentado no Teatro Municipal Bruno Nitz nesta terça-feira (19), às 20h. A entrada é gratuita.

No repertório do espetáculo, estão músicas autorais do artista. Ao todo, são 18 canções que foram reunidas em um DVDriver (o primeiro lançado no país). Em “Histórias para Cantar”, Ere Mar mescla folk, pop, soul, reggae e rock. O show foi apresentado no Teatro duas vezes.

Acompanhando o cantor, estarão os músicos Moyses de Jesus (contrabaixo), Ozeias Rodrigues (guitarra) e Narciso Farias (bateria). O espetáculo integra a programação do Circuito SESC de Música.

Morador de Balneário Camboriú, o artista iniciou sua carreira aos 12 anos, quando venceu o 1º Festival da Canção em sua cidade natal, Três Lagoas (MS). Também violonista e compositor, Ere Mar já se apresentou ao lado de grandes nomes da música brasileira, como Almir Sater, Geraldo Roca, Geraldo Espíndola e Carlos Colman. Recentemente, o artista foi indicado ao Prêmio da Música Catarinense pelo show “Histórias Para Cantar”, na categoria de Melhor Cantor, figurando entre os cinco melhores cantores do Estado.

Agende-se

O que: Show “Histórias para Cantar”, com Ere Mar
Quando: terça-feira (19), às 20h
Onde: Teatro Municipal Bruno Nitz (Rua 300, 50, Centro – Balneário Camboriú)
Quanto: gratuito


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
- PUBLICIDADE -