Vereadora quer obrigar empresas a contratar moradores de rua

Vale a observação que o gabinete da vereadora não possui nenhum morador de rua contratado

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Maior edifício da América Latina tem elevador residencial mais rápido do Brasil

Com capacidade de se deslocar seis metros por segundo, o elevador poderá percorrer em menos de um minuto os 81 andares do Yachthouse

Imagem ilustrativa

A vereadora Juliethe Pereira Nitz (PR) é autora de mais um indigesto Projeto de Lei. A republicana quer que toda empresa que vencer uma licitação pública no município, seja obrigada a contratar pessoas em situação de rua. Ainda, quer que a contratação de andarilhos e mendigos seja de pelo menos 10% do pessoal contratado.

Para que o morador de rua se beneficie deste projeto, ele teria que se comprometer a deixar as ruas em até 60 dias, podendo residir na Casa de Passagem ou qualquer outro abrigo e albergue do município durante o período.

As empresas somente ficariam dispensadas de obedecer a lei, caso a Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social não identifique nenhum andarilho com aptidão compatível para exercer as funções necessárias às vagas disponíveis.

Em vez de resolver a questão dos moradores de rua no município, o resultado de um projeto de lei como esse poderia ter o efeito contrário, pois muitos andarilhos acabariam migrando para Balneário Camboriú em busca de um trabalho, aumentando ainda mais o problema.

Vale a observação que o gabinete da vereadora não possui nenhum morador de rua contratado, o que mostra que nem a legisladora é capaz de exercer na prática o que quer obrigar outros a fazer. Quem sabe, Juliethe poderia começar testando nas empresas de sua família e em seu gabinete, e depois apresentasse os resultados?


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Gincana interescolar de BC visa aumentar o aproveitamento do resíduo reciclável

As unidades escolares - Centros Educacionais e Núcleos Infantis, receberão semanalmente as tarefas a serem desenvolvidas
- Publicidade -