- PUBLICIDADE -

Turismo religioso espera atrair 170 mil pessoas à Camboriú

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competências de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios englobam participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

O evento que será realizado nos dias 24 de abril a 04 de maio na cidade de Camboriú, trouxe, na última edição, no ano de 2009, mais de 400 caravanas de diversos estados brasileiros. Para este ano a expectativa é ainda maior, pois, com a baixa no preço de passagens aéreas, estima-se um aumento de 15% em vôos com pessoas que virão a Capital de Missões.

Nos últimos cinco anos, segundo o secretário da fazenda do município, Sérgio Venâncio, somente através de alvarás do comércio temporário no evento, a prefeitura já recolheu mais de 2 milhões de reais.

O evento, que é organizado pelos Gideões Missionários da Última Hora, instituição que mantêm 1200 famílias em 30 países, com o apoio da Prefeitura Municipal e do Governo do Estado através do Funturismo, beneficia a cidade através de empregos temporários.

Estima-se que mais de 5 milhões de pessoas já tenham passado na cidade em vinte oito anos de congresso. Atualmente, a cidade de Camboriú tem 58.000 habitantes, e sua economia está ligada ao cultivo do arroz.

Durante a festividade cristã, a cidade de Balneário Camboriú recebe parte dos turistas, que no ano passado representou, segundo o Sindisol, um aumento de 55% de hospedagens em hoteis da cidade.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.