Valores não utilizados de diárias poderão ser reembolsados em Camboriú

Atualmente, quando o valor de uma diária recebida é superior aos gastos comprovados, o valor não é devolvido aos cofres da Câmara

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Em Camboriú, quando o valor de uma diária recebida é superior aos gastos comprovados, o valor não é devolvido aos cofres da Câmara de Vereadores pelos Vereadores e Servidores. Mas isso pode mudar.

Em Sessão Ordinária nesta terça-feira, dia 17, o Vereador John Lenon Teodoro deu entrada no Projeto de Lei n° 51/2019, alterando a Lei n° 2991/2017, que dispõe sobre as diárias concedidas a vereadores e servidores, solicitando o reembolso à Câmara dos valores não utilizados. Além disso, todas as notas fiscais da diária utilizada devem constar no Portal da Transparência, e também a sua justificativa e roteiro, para maior fiscalização social.

“Depois de estar em contato com o Observatório Social de São José, conhecendo casos de fiscalização e economia do dinheiro público, notamos que muitas coisas precisam ser mudadas, e se queremos cobrar do poder executivo temos que começar pela Casa Legislativa. Essa prática gerará maior transparência e diminuição de gastos públicos. O uso das diárias não é incorreto, são através delas que conseguimos emendas importantes para o nosso Município, o que precisamos é adequar à situação atual de transparência e economia”, declarou o Vereador John Lenon.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -