Elcio busca parcerias comerciais com China e Áustria

Comitiva apresentou a cidade com o objetivo de atrair novas empresas

Publicado em

- Publicidade -

Em busca de alavancar a economia do município de Camboriú, melhorando a sua arrecadação, que é extremamente baixa e a geração de novos empregos, esta semana uma comitiva da cidade esteve em São Paulo, onde participou de diferentes encontros.

Liderada pelo prefeito Elcio Rogério Kuhnen, acompanhado do secretário de Desenvolvimento Econômico, Mario Bianchet, da presidente da Fundação Cultural, Sandra Pereira, do Chefe de Gabinete, Ariel Silva e do assessor Marlon Borsatto, o grupo apresentou a cidade com o objetivo de atrair novas empresas. Além disso, conheceu a organização da Virada Cultural paulistana, a maior da América Latina.

No Consulado da República Popular da China, foram recebidos pela Cônsul Geral, Chen Peijie. O prefeito apresentou a cidade e empresas comboriuenses que demonstraram interesse em manter relações comerciais com o país. O secretário Mario Bianchet fez o convite para uma visita à cidade, aceito na hora pela cônsul, que já agendou para o segundo semestre do ano, junto com alguns representantes de empresas chinesas.

“Nossa relação com a China iniciou no ano passado, quando recebemos a Ministra Conselheira Econômica Comercial da China, Xia Xiaoling no gabinete. Depois disso estive na Embaixada da China em Brasília. Atualmente é o país que mais cresce no mundo, por essa razão estamos buscando essa aproximação para que possam investir em Camboriú”, disse Elcio.

Outro consulado visitado pela comitiva foi o da Áustria, que já mantém boa relação com o estado de Santa Catarina. O Cônsul Klaus Hofstadler elogiou a disposição do município em abrir espaço para empresas austríacas que estão procurando o Brasil para investir e destacou ainda, a localização privilegiada de Camboriú.

“Apresentamos nossas empresas que hoje já exportam para outros países e também nossas áreas industriais que podem abrigar novas empresas e assim alavancar nossa arrecadação”, destacou Mário Binchet.

Cultura também esteve na pauta da viagem. Na Secretaria de Cultura de São Paulo o grupo conheceu detalhes da organização da Virada Cultural, a maior da América Latina. O evento atraiu 5 milhões de pessoas na última edição, realizada em maio e provocou um impacto positivo de R$ 235 milhões na economia da cidade. O secretário adjunto, Caio Aloe, apresentou também outros projetos desenvolvidos pelo órgão.

Para Sandra Pereira, essa troca de experiências é muito positiva na organização dos eventos do município. “No ano passado promovemos a primeira edição da Virada Cultural de Camboriú, e utilizando a experiência deles, aqui em São Paulo, sem dúvidas vamos realizar uma segunda edição, ainda melhor”, disse a presidente da Fundação Cultural.


COMENTE ABAIXO ⬇
- Publicidade -

DESTAQUES

Arranca de caminhões no Speedway neste final de semana

Catarinense de Arrancada reunirá mais de 30 trucks na disputa
- Publicidade -

Programação especial garante Dia dos Namorados mais romântico no Balneário Shopping

Restaurantes do Balneário Shopping também prepararam surpresas especiais para a noite deste dia 12 de junho

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.