- PUBLICIDADE -

“Zé da Codetran” se ausenta e sessão é suspensa devido a presença de manifestantes

Pissetti suspendeu a sessão após tumulto de manifestantes na Câmara de Vereadores de Itajaí

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
(Davi Spuldaro/CVI)
(Davi Spuldaro/CVI)

Para garantir a segurança de todos os presentes na 77ª sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Itajaí, realizada na noite desta terça-feira (24), o presidente da Casa, Luiz Carlos Pissetti (DEM), suspendeu a reunião.

A situação foi decorrente do conflito entre manifestantes favoráveis e contrários ao retorno do vereador José Alvercino Ferreira (PP) ao Legislativo. A interrupção da sessão tem embasamento no artigo 121-I do Regimento Interno, que prevê o encerramento das sessões em caso de tumulto grave.

A reunião foi aberta com a leitura do recurso assinado pelos vereadores Anna Carolina (PSDB), Davi Teixeira (PT) e Thiago Morastoni (PT), que solicita a anulação do despacho da presidência que deu dez dias para que José Alvercino se manifestasse.

O documento pede o cumprimento do artigo 104 do Regimento Interno, que permite que os vereadores se afastem por motivos pessoais por até 121 dias. O recurso foi encaminhado para análise da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final e caso aprovado, será encaminhado ao Plenário para votação. José Alvercino é investigado na operação Parada Obrigatória II.

Apesar de estar apto a participar das sessões, o parlamentar alegou problemas de saúde e não compareceu à Câmara nesta terça-feira.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Imobiliária de Balneário Camboriú aluga imóvel em até 30 dias ou paga o condomínio

A imobiliária promete alugar o imóvel em até 30 dias, ou pagar o condomínio ao proprietário
- PUBLICIDADE -