- PUBLICIDADE -

Quatro partidos de Balneário Camboriú têm cotas suspensas

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan oferta atendimento psicológico a profissionais da ONG Viva Bicho

A ação é realizada pelos acadêmicos dos anos finais do curso de Psicologia e visa o bem-estar das pessoas que trabalham diariamente com os animais

(Da eBand)

O juiz eleitoral de Balneário Camboriú (56ª Zona), Roque Cerutti, julgou não prestadas as contas dos diretórios municipais do Partido Popular Socialista (PPS), Partido da República (PR), Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) e Partido Social Cristão (PSC) e determinou a suspensão de cotas do Fundo Partidário de todos eles pelo tempo em que permanecerem omissos. As sentenças foram publicadas no Diário da Justiça Eleitoral de quarta-feira, 7, mas cabe recurso ao Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina.

O PPS, o PR e o PTB deixaram de apresentar as contas relativas ao exercício financeiro de 2008, enquanto o PSC não realizou a prestação referente àquele ano e a 2007. Todos os diretórios descumpriram o prazo de 30 de abril do ano seguinte ao do exercício, estabelecido pelo artigo 32 da Lei nº 9.096/1995, e não se manifestaram após intimação judicial.

Diante disso, o juiz Cerutti julgou não prestadas as contas dos quatro partidos de Balneário Camboriú e determinou a suspensão de novas cotas do Fundo Partidário, conforme prevê o artigo 37 da Lei nº 9.096/1995, pelo tempo em que eles permanecerem omissos.

Redação: Gisiela Klein


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Clínica de odontologia da UniAvan oferece atendimento para cirurgias dentárias

Os procedimentos gratuitos serão direcionados a cirurgias de extração de dentes, remoção de freio, raiz quebrada, tratamento de lesões na boca, dentre outros
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.