- PUBLICIDADE -

Após arrastão, segurança no entorno da Univali de Itajaí é discutida em reunião

Encontro reuniu PM, Secretaria de Segurança, Reitoria e DCE

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Comece bem o verão com marmitas caseiras da Light Food BC

Por sua qualidade de vida e saúde, nos dias quentes mantenha uma alimentação saudável com as marmitas da Personal Chef Fit Kris Borba

univali
Arquivo

Uma reunião na tarde desta quinta-feira, 20, discutiu a segurança no entorno do Campus Itajaí da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), com representação do Diretório Central dos Estudantes (DCE), Secretaria de Segurança do Cidadão de Itajaí, Polícia Militar e Reitoria da Universidade para discutir novamente possibilidades de ações de curto, médio e longo prazo em relação aos episódios de insegurança ocorridos nas imediações do Campus.

O tenente Rodrigo, responsável pelo planejamento do Batalhão da Polícia Militar de Itajaí ressaltou que a PM já vem aumentando a frequência com que realiza rondas na Avenida Abraão João Francisco (Contorno Sul), principalmente nos horários de entradas e saídas de estudantes e que este trabalho deve ser intensificado. Ele também alertou para a necessidade do registro das ocorrências para, além de fins de estatística, dar consistência às denúncias apontadas em redes sociais, e da importância de todos contribuírem: “O problema de segurança é de todos e a comunidade de estudantes pode contribuir evitando circular sozinhos ou expondo seus celulares, por exemplo”.

:: LEIA TAMBÉM: Adolescente é apreendido após arrastão na Univali, em Itajaí

A secretária de Segurança do Cidadão, Susi Bellini, também colocou a secretaria à disposição para contribuir com a inibição de possíveis ocorrências, aumentando o efetivo da Codetran nos horários de pico. Já o Diretório Central dos Estudantes trouxe a reivindicação dos alunos e frisou que o diretório reconhece que o problema estende-se para além dos muros da universidade, para a segurança pública municipal.

Como medidas, além dos aumentos de efetivos policiais e do Codetran, há a perspectiva de alteração da localização dos pontos de ônibus na Contorno Sul, conforme projeto já apresentado pela Univali, e a realização de um fórum reunindo estudantes e autoridades para a discussão das causas e possíveis soluções para o problema de segurança pública no entorno do Campus.

“A Universidade está consciente da problemática e aberta a buscar juntamente com os estudantes e autoridades, soluções que beneficiem a todos”, ressaltou a reitora em exercício, professora Cássia Ferri.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Mesmo com a pandemia, coleta para reciclagem aumentou 31% neste ano

Ainda em 2019, a coleta de recicláveis deu um salto em BC em decorrência da implantação de novas políticas públicas
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.