- PUBLICIDADE -

Policiais e bombeiros prestam homenagem à policial que morreu em troca de tiros, na Praça Tamandaré

As sirenes e sinais luminosos foram ligados por um minuto e os policiais militares prestaram continência em homenagem ao policial morto na última madrugada

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Comece bem o verão com marmitas caseiras da Light Food BC

Por sua qualidade de vida e saúde, nos dias quentes mantenha uma alimentação saudável com as marmitas da Personal Chef Fit Kris Borba

homenagem
divulgação

O 12º Batalhão de Polícia Militar, conjuntamente com as demais unidades policiais de todo o estado de Santa Catarina, nesta sexta-feira (16), uma homenagem ao Soldado Vinícius Alexandre Gonçalves, 31 anos, morto na última madrugada enquanto estava patrulhando um bairro da Capital do Estado, em confronto com criminosos que lhe tiraram a vida com um tiro mortal.

A homenagem foi prestada na praça Almirante Tamandaré, em Balneário Camboriú, às 17h30min. Policiais Militares, Bombeiros Militares, Policiais Civis, Guardas Municipais, Autoridades e a comunidade, pararam por alguns minutos para homenagear um herói que se vai. A música “O Silêncio”, tocada ao som da corneta pelo Subtenente da Reserva Remunerada, Ismael da Silva Amaral, emocionou a todos, dando adeus ao nobre irmão de farda.

O Soldado Alexandre estava há cinco anos na corporação e compunha o efetivo do Pelotão de Patrulhamento Tático do 4º Batalhão de Polícia Militar. Excelente profissional, atencioso e muito correto, possuía em sua ficha profissional 59 elogios registrados por ocorrências de grande vulto bem sucedidas. Tais consagrações demonstram a grandeza deste soldado da Polícia Militar e a competência com a qual realizava suas funções.

Em suas palavras, o Comandante Geral, Coronel Paulo Henrique Hemm, indaga “Até quando veremos pais de família morrerem, sem nada mudar? Até quando reclamaremos sem eco encontrar? Hoje chora mais uma mãe, uma esposa, e toda sociedade, num País onde se perde o maior número de policiais, nesta guerra desleal contra o crime. Hoje perdemos mais um irmão de farda, comprometido, leal a uma causa onde o bem insiste que irá vencer, e há de vencer!”

Ele, como outros tantos, que deixaram e deixam diariamente suas residências sob a égide da vocação de dar sua própria vida em prol de outras que jamais viu.

Ao final, as sirenes e sinais luminosos foram ligados por um minuto e os policiais militares prestaram continência, uma homenagem pela dor da perda de um colega morto em serviço.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Mesmo com a pandemia, coleta para reciclagem aumentou 31% neste ano

Ainda em 2019, a coleta de recicláveis deu um salto em BC em decorrência da implantação de novas políticas públicas
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.