- PUBLICIDADE -

Secretaria da Saúde de Itajaí procura criança mordida por cão agressor

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem

A Secretaria Municipal de Saúde, através da Diretoria de Vigilância Epidemiológica, procura por Marlon Rodrigo Talles Gering, vítima de mordedura de cão agressor, a fim de esclarecer algumas pendências do esquema vacinal antirrábico, iniciado em novembro de 2009.

Marlon tem quatro anos de idade, foi mordido em 26 de novembro e, após alguns dias de tratamento, a família mudou de endereço, não sendo possível dar continuidade ao acompanhamento. Os telefones informados no cadastro da família também não atendem. “Monitorar os casos de mordedura de cão agressor é imprescindível para o controle da raiva urbana. A raiva, quando não tratada em tempo é uma doença 100% letal”, informa a Coordenadora do Núcleo de Controle de Zoonoses, Ieda Passos.

Informações no Núcleo de Controle de Zoonoses pelo telefone: 3249-5572. Falar com Greyce.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Imobiliária de Balneário Camboriú aluga imóvel em até 30 dias ou paga o condomínio

A imobiliária promete alugar o imóvel em até 30 dias, ou pagar o condomínio ao proprietário
- PUBLICIDADE -