- PUBLICIDADE -

Secretaria da Saúde de Itajaí procura criança mordida por cão agressor

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Trader Jader Nogueira exibe ganhos milionários e contraria matéria do Fantástico

Publicação na rede social do influenciador viralizou e pessoas se identificaram

A Secretaria Municipal de Saúde, através da Diretoria de Vigilância Epidemiológica, procura por Marlon Rodrigo Talles Gering, vítima de mordedura de cão agressor, a fim de esclarecer algumas pendências do esquema vacinal antirrábico, iniciado em novembro de 2009.

Marlon tem quatro anos de idade, foi mordido em 26 de novembro e, após alguns dias de tratamento, a família mudou de endereço, não sendo possível dar continuidade ao acompanhamento. Os telefones informados no cadastro da família também não atendem. “Monitorar os casos de mordedura de cão agressor é imprescindível para o controle da raiva urbana. A raiva, quando não tratada em tempo é uma doença 100% letal”, informa a Coordenadora do Núcleo de Controle de Zoonoses, Ieda Passos.

Informações no Núcleo de Controle de Zoonoses pelo telefone: 3249-5572. Falar com Greyce.


COMENTE ABAIXO ⬇

Fique bem informado com as notícias do Click Camboriú através do Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan promove plantão de matrículas neste sábado com desconto exclusivo

Novos alunos ganharão desconto de 20% na primeira mensalidade de cursos presenciais; Quem optar por graduação EAD começa a pagar só em julho de 2021
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.