ReciclaBC continua com excelente progressão nos indicadores de desempenho

As equipes da coleta seletiva aumentaram de duas para oito, e os horários foram ampliados em mais de sete horas

Publicado em

viaPMBC
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

A Prefeitura de Balneário Camboriú implementou uma campanha bem-sucedida de conscientização e sensibilização ambiental, o ReciclaBC, visando orientar a comunidade sobre a forma correta de separar os resíduos sólidos para o fomento da economia circular local por meio do mercado da reciclagem.

Em setembro, a quantidade coletada de resíduos recicláveis e reutilizáveis aumentou em 43,15% em comparação ao mesmo período do ano passado. Foram coletadas 207,82 toneladas (segundo melhor indicador desde o início da campanha).

O ReciclaBC é uma campanha que culmina informação e educação ambiental formal e não formal, com ampliação das equipes da coleta seletiva e investimento em materiais e equipamentos para modernizar o manejo dos resíduos sólidos no município. As equipes da coleta seletiva aumentaram de duas para oito, e os horários foram ampliados em mais de sete horas. Atualmente, existem dois turnos de coleta: 1º turno das 6h às 14h20 e o 2º turno das 14h20 às 22h35, todos os dias.

A coleta seletiva atende 100% da cidade. Para saber os horários, acesse www.reciclabc.com.br ou ligue para o número do ReciclaBC: (47) 9 9647-9495.

O esforço técnico e educacional do ReciclaBC envolve escolas públicas e privadas, implantação de ecopontos, campanha publicitária com mídias sociais e visitas domiciliares em casas, edifícios e estabelecimentos comerciais. Todos visitados pelas equipes de campo. Há três meses, está em andamento a Gincana ReciclaBC, que envolve dezenas de escolas e milhares de estudantes da rede pública municipal.

“A questão ambiental é uma pauta mundial que está nas agendas de todos os governos, e aqui em Balneário Camboriú não é diferente. Temos empreendido esforços, obras e ações nesta causa do mundo e da cidade, e a reciclagem de lixo é uma parte importante nesse processo de sustentabilidade almejado. A campanha e as ações empreendidas de conscientização e orientação ensinam que só conseguiremos um bom resultado para as questões ambientais se todos participarem desse esforço, tanto os governos quanto a população. Esta é uma causa de todos e os bons números que estamos conseguindo mostram que estamos no caminho certo”, considera o prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira.


Tirando dúvidas:

Pergunta: Ainda não faço parte da coleta seletiva, como posso participar?
Resposta: Verifique o dia que o caminhão passa em sua rua e coloque os recicláveis para serem recolhidos.

Pergunta: Qual o dia em que o caminhão passa na minha rua?
Resposta: A tabela está sempre atualizada em https://reciclabc.com.br/coleta/ 

Pergunta: A mesma equipe recolhe lixo comum e reciclável?*
Resposta: Não, são equipes e caminhões diferentes que recolhem em dias e horários distintos. A equipe que recolhe os materiais recicláveis é a da Coleta Seletiva.

Pergunta: O que é coleta seletiva?
Resposta: É a coleta de resíduos sólidos previamente segregados conforme sua constituição ou composição, ou seja, os resíduos recicláveis e reutilizáveis.

Pergunta: Já vi o caminhão misturar lixo comum com o reciclável, por qual motivo isso ocorreu?
Resposta: O reciclável deve ser posto para recolher somente no dia de passagem do caminhão específico, para evitar que o coletor confunda os resíduos.

Pergunta: Quais resíduos são recicláveis?
Resposta: Basicamente plásticos, vidros, metais e papéis limpos. Fraldas descartáveis e papel higiênico usado não são recicláveis. Lâmpadas fluorescentes, cartuchos de impressoras, pilhas, baterias e aparelhos eletrônicos devem ser entregues onde foram comprados, pois fazem parte da logística reversa.

Pergunta: Como devo separar o reciclável?
Resposta: Os resíduos devem ser separados em lixo comum e reciclável. No dia da coleta, o reciclável deve ser posto para recolhimento pela equipe específica. IMPORTANTE: os resíduos recicláveis devem estar limpos e secos, deve-se lavá-los antes de fazer o descarte específico.

Pergunta: O que é feito com os recicláveis recolhidos?
Resposta: São entregues para cooperativas e associações de catadores para o fomento do mercado da reciclagem (economia circular). Está previsto para 2020 a construção de uma Central de Valorização de Materiais, na Várzea do Ranchinho, onde as cooperativas poderão trabalhar e aumentar a renda proveniente dos recicláveis.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -