- PUBLICIDADE -

Cineclube exibe filmes que retratam biodiversidade nesta quarta

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Galeria M.I.U. inaugura lado B com a exposição engenhariaREVERSA neste sábado, 12

A Galeria M.I.U. e o artista ONESTOdiesel convidam a todos para o pocketshow e uma tarde de texturas, contrastes, cores, vinhos e um bom papo

Nesta quarta-feira (28), acontece a edição de abril do projeto “Cineclube FCBC”, com a exibição dos filmes “Reserva Biológica Marinha do Arvoredo – Estado de SC” e “Corredor da Biodiversidade: Brasil – Paraguai – Argentina”, da Produtora Trotamundos, de Balneário Camboriú, com início às 19h30.

O documentário “Reserva Biológica Marinha do Arvoredo ” retrata a biodiversidade marinha e terrestre resultante do encontro de duas correntes marinhas opostas frente às principais praias catarinenses, tendo como maior objetivo preservar uma das mais representativas áreas naturais costeiras do sul do Brasil. O documentário “Corredor da Biodiversidade: Brasil – Paraguai – Argentina” apresenta o eixo natural pelo qual circulam as maiores e mais longas rotas migratórias das aves americanas.

A sessão está marcada para esta quarta-feira (28) , no Arquivo Histórico de Balneário Camboriú, localizado na Terceira Avenida, esquina com a rua 2500, no Centro. Ainda há lugares disponíveis, reserve o seu pelo tel: 3264-5706, e-mail: [email protected], ou no local.
O projeto é realizado pelo Arquivo Histórico , setor da Fundação Cultural de Balneário Camboriú, com entrada gratuíta.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

PagAuto vende seu veículo em 50 minutos: rápido, seguro e sem burocracia

Em até 50 minutinhos, o seu veículo é vendido, em uma negociação 100% segura, com avaliação profissional e pagamento na hora
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.