O terreno que seria doado (Google Street View/Reprodução)

A Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú (ACIBALC) solicitou formalmente nesta segunda-feira (26), que a Prefeitura de Camboriú retire o Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo que efetuaria a doação de um terreno para a entidade, no bairro Tabuleiro, em Camboriú.

A Prefeitura de Camboriú havia negociado uma série de contrapartidas que a Acibalc deveria deixar para Camboriú quando da doação do terreno. Entre elas, a construção da sede da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Camboriú anexa ao prédio, sem que a Prefeitura precisasse arcar com aluguel.

Contudo, após a primeira votação do Projeto de Lei, que foi aprovado por maioria absoluta dos vereadores, com apenas dois votos contrários à doação, o caso repercutiu negativamente. “Por este motivo, e entendendo que a Associação Empresarial e a Prefeitura não têm nenhuma intenção de contrariar a população de Camboriú ou qualquer de seus representantes, resolvemos em consenso solicitar a retirada do projeto, cancelando esta ação”, informou Augusto Munchen, Presidente da Acibalc.


COMENTE ABAIXO ⬇

resposta(s) publicada(s). (Obs.Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site)