Divulgação

Projeto que autoriza a Prefeitura de Camboriú a doar terreno para a construção da sede da Associação Empresarial de Balneário Camboriú e Camboriú – ACIBALC foi alvo de criticas na sessão de terça-feira (20). O documento nº37/2018 recebeu dois votos contrários a doação, dos vereadores Adriano Gervásio (PSDB) e Antonio Paulo da Silva Neto, o Piteco (PR).

Os parlamentares esclareceram que não são contra a construção da sede da ACIBALC no município, mas sim, contra a escolha do terreno. “O bairro do Tabuleiro não tem uma praça, uma quadra, um espaço de lazer e aquele local seria perfeito. A prefeitura tem que ajudar a associação, mas com um terreno em outro local”, destacou o vereador Piteco.

Adriano Gervásio ressaltou que muitas secretarias municipais pagam aluguel e um terreno como aquele, na Rua Marmeleiro, esquina com a Rua Garaparim, a principal do bairro Tabuleiro, poderia comportar um centro administrativo da cidade e acabar com os aluguéis.

O projeto ainda passará por uma segunda votação na Casa Legislativa.


COMENTE ABAIXO ⬇

resposta(s) publicada(s). (Obs.Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site)