Jogador itajaiense de handebol faz sucesso na Espanha

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Depois de começar a carreira em Itajaí, Ales Abrão Silva, de 24 anos, volta para a cidade a fim de tirar uns dias de folga e apresentar-se na seleção Brasileira de Handebol no próximo domingo (06). Atualmente, ele joga na equipe Naturhause Logroño, na Espanha, onde fez sua primeira temporada no exterior. O atleta garante não esquecer as raízes e o começo da carreira, quando foi atleta da Fundação Municipal de Esporte e Lazer (FMEL) de Itajaí.

O jogador de handebol Ales Abrão Silva tem muita história para contar. Atual integrante da equipe de Naturhause Logroño, na cidade de Logroño, na Espanha, ele volta ao Brasil para tirar férias e se apresentar na Seleção Brasileira, pela qual foi mais uma vez convocado. O atleta está no time espanhol desde agosto de 2009, quando a temporada européia de handebol teve início. Com o fim das competições em maio deste ano, a equipe de Ales conquistou a quinta posição, o que garantiu grande prestígio aos jogadores e férias que seguem até julho, para que eles possam descansar e tocar projetos paralelos.

Ales é hoje o único jogador brasileiro a compor uma equipe espanhola, onde o nível técnico é muito alto e os jogos altamente competitivos. Mas para chegar a Europa ele precisou dar os primeiros passos em Itajaí, no colégio onde estudava quando tinha 11 anos, a Escola Básica Melvin Jones. Com o excelente desempenho, Ales ganhou uma bolsa de estudos aos 14 anos para jogar handebol no Colégio São José, aonde viria a ter muitas oportunidades de crescimento, além de representar Itajaí em competições por todo o estado. Aos 19 anos, o jogador foi contratado por uma equipe de São Paulo, aonde permaneceu por três temporadas e teve a oportunidade de voar mais alto: foi contratado pela equipe espanhola Naturhause Logroño. O atleta faz também da Seleção Brasileira de Handebol, onde começou aos 16 anos nas categorias de base.

Representando a seleção brasileira, Ales foi convocado essa semana para encarar difíceis desafios, como o Campeonato Pan-americano, que ocorre na cidade de Santiago, no Chile, dos dias 22 a 26 de junho. O atleta lembra com muito carinho dos títulos que já conquistou ao longo da carreira, “já fui campeão brasileiro, campeão sul americano, pan americano, já participei de vários Jogos Abertos… um deles eu lembro que fui campeão em Lages”.

Apesar de sentir falta da família e do Brasil, ele é categórico quando o assunto são as diferenças entre Brasil e Espanha e o apoio que o handebol recebe nos dois países. O jogador afirma ainda que estar em Logroño é um sonho realizado, já que lá a equipe é reconhecida e o treinamento de alto nível. “Realmente a liga espanhola é a melhor do mundo. Minha a equipe ficou em 5º lugar nesta temporada, to realizando um sonho. Aqui no Brasil não tem reconhecimento, lá a equipe sai direto na TV e jornal, todo dia. Em todos os jogos o ginásio é lotado, o esporte é muito mais reconhecido e valorizado”. Quanto a isso o atleta, único brasileiro que joga na liga espanhola, afirma que a Espanha está muito a frente do Brasil.

Mas as lembranças que ficaram de Itajaí são as melhores e, para sorte de Ales, a cidade de Logroño é muito parecida com a cidade peixeira que este ano completa 150 anos de emancipação. “A cidade não é muito diferente de Itajaí, as pessoas são bem receptivas”. Em um retrospecto, ele relembra todos os técnicos que já teve ao longo da estrada no handebol, “comecei com Júlio da Silva, depois foi o Daniel Passos, a Cláudia Monteiro, o Drian e o Mano [Délcio de Amorim]”.

Ales é mais um exemplo do quanto o esporte é importante na vida de uma criança, e uma garantia de futuro saudável. A equipe da FMEL sente-se muito orgulhosa de fazer parte da história de mais um jogador nascido em Itajaí e que conseguiu conquistar seus objetivos, além de ter a grande responsabilidade de representar o país.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -