- PUBLICIDADE -

11 dias com U$ 153 em NY

Sem querer (claro), deixei todo o dinheiro para uma viagem de três semanas na esteira no raio-X do aeroporto

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competências de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios englobam participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

passaporteoficinaAquela máxima tão em voga hoje em dia do “99% planejamento e aquele 1%…” caberia muito bem na minha viagem de intercâmbio a Nova York. Tive um incidente motivado por uma conexão muito curta, entre a chegada aos Estados Unidos (Detroit) e o destino final. Sem querer (claro), deixei todo o dinheiro para uma viagem de três semanas na esteira no raio-X do aeroporto.  Mas só me atentei a este detalhe quando fui avisado pela companhia aérea e começou, então, a minha saga em busca dos valores perdidos.

O combinado com a cia aérea foi a entrega do material por meio dos correios, mas no endereço da escola. Já era meu terceiro intercâmbio e, como das outras vezes, já tinha contado com o auxílio de uma agência que tinha adquirido acomodação com café da manhã e janta, além das aulas. Foi a sorte, porque tinha duas refeições garantidas por dia e poderia economizar na alimentação.

Durante 11 dias  fiquei com boa parte da atenção voltada à troca do valor. Recebi cheque, tentei trocar em banco, casa de câmbio e só consegui ficar tranquilo quando o gerente bancário aqui no Brasil confirmou que poderia fazer o depósito quando voltasse para casa.

Para dar tudo certo, tomava um bom café da manhã e levava uma fruta para o lanche na escola. No almoço ia de cachorro-quente, hambúrguer ou salada, na faixa dos U$ 7 cada um. Barrinha de cereal ou sementes, como nozes e castanhas, completavam o lanche da tarde. Em casa fazia a janta normalmente.  Este já é um hábito americano, que costumar fazer no máximo 40 minutos de intervalo.

Para você entender melhor o percurso e a minha cara quando eu soube do esquecimento, acompanhe nestes vídeos.

 

E se quiser saber dia a dia como eu me virei, veja só a minha “contabilidade”:

Dia 1 – translado do aeroporto até a homestay: U$ 50
Dia 2 – hambúrguer: U$ 8,69
Dia 3 – salada e iogurtes: U$ 14,27
Dia 4 – granola: U$ 9,58
Dia 5 – cachorro-quente e artigos de higiene pessoal: U$ 12,80
Dia 6 – wrap: U$ 12,60
Dia 7 – salada: U$ 7,14
Dia 8 – smoothie e cachorro-quente: U$ 6,52
Dia 9 – sanduíche e boné: U$ 9,48
Dia 10 – sementes, chocolate e sorvete: U$ 12,55
Dia 11 – salada: U$ 8,50

Obs.: O valor do cartão ilimitado do metrô (U$ 63, para duas semanas) não foram contabilizados porque foram pagos depois desta data aos donos da casa que emprestaram o dinheiro.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.