- PUBLICIDADE -

Veiculo da Fundação Cultural na Rua 3450

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191

Imagem3866

Por diversos dias estive reparando que um veículo Zafira cor branca placa MHW-1801 lotado na Fundação Cultural de Balneário Camboriú, que por volta das 12h fica parado na rua 3450. Entrei em contato com a Ouvidoria da Prefeitura para saber quem utiliza o veículo. Eles não tinham informação e me passaram para o setor do Patrimônio, que também não sabia quem era o condutor, mas informou que o veículo está lotado na Fundação Cultural. Feito o contato com a fundação descobri que o condutor é o funcionário público Heitor. Pedi explicações, porém nenhum dos responsáveis se encontrava no local devido a um evento em um hotel. Deixei telefone e e-mail mas até as 16h ninguém havia me contatado. Liguei novamente e falei com a Sra. Net que é secretaria do Presidente da Fundação, que me explicou qual o motivo do funcionário utilizar o veiculo para se locomover para sua residência no horário de almoço.

Segundo a explicação da Sra Net, é que o sr Heitor além de conduzir o veiculo Zafira, também é responsável pela condução do ônibus chamado Biblioteca Volante que inicia seu funcionamento as 09h 30min e retorna as 12h. Quando retorna para a fundação, ele troca de veículo pegando a Zafira e vai almoçar, pois as 13h ele tem a obrigação de pegar o Presidente da fundação, o Sr Eduardo Meneghelli Júnior, conhecido como “TORTO” devido a sua deficiência física. Ela fez questão de informar qual o motivo de a fundação ter um veículo como a Zafira, seria devido a locomoção do presidente, pois em outros veículos se torna difícil, e como exemplo ela citou o antigo veículo da fundação, um Celta, que tornava-se muito complicado para o “Torto” se locomover, já que a cadeira não entrava no porta-malas. Até na época a fundação tinha interesse em uma Doblo (FIAT) que disponibilizaria um veículo projetado para deficientes, mas devido ao valor tiveram que ficar com a Zafira, onde o sr Heitor tem a função de toda vez que Eduardo “Torto” precisa entrar e sair do veículo se torna necessário que seja pego nos braços e colocado na cadeira de rodas.

O funcionário Heitor é um bom exemplo de cidadão e respeito as pessoas deficientes. Quando fiz as fotos seria para criticar o uso do veiculo no horário de almoço mas tendo conhecimento do fato vejo que é  necessário tal procedimento. Mas apenas neste caso, pois o Eduardo não tem condições de conduzir veículos exceto a motocicleta que foi projetada para sua deficiência, os demais não tem justificativa.

Parabéns a Sra Net e a Assessora de imprensa Vânia que facilitaram a informação, e impediram que a noticia fosse divulgada de forma errônea e pudesse a denegrir a imagem da fundação e do funcionário (motorista).

O caso já foi assunto do Jornal Diarinho, mas no período não apresentaram explicação (pelo menos até o fechamento da edição) http://blog.diarinho.com.br/chefo-da-fundao-cultural-e-motorista-usam-carro-oficial-pra-ir-bater-rango-em-casa Fui descobrir esta matéria depois de todos os contatos e por acaso quando procurei uma foto da Escola Maria da Glória Pereira.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.