O prefeito Fabricio Oliveira.

O prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira, confirmou ao jornal Página 3, que sairá do Partido Social Brasileiro (PSB). Dois meses atrás, Fabrício já havia comunicado ao Click Camboriú o seu desejo de trocar de legenda, por não estar alinhado com a executiva nacional do partido, que durante as eleições presidenciais apoiou o candidato do PT, Fernando Haddad.

Fabricio ainda declarou publicamente seu apoio ao então candidato Jair Bolsonaro (PSL), afrontando a decisão da executiva nacional de proibir os membros de apoiarem outras candidaturas que não fossem de centro-esquerda. Antes de Fabricio declarar o apoio, o correlegionário Luciano Buligon, prefeito de Chapecó, havia sido expulso do PSB por declarar voto em Bolsonaro.

O chefe do executivo municipal ainda não decidiu para qual partido vai, mas o PSD – de Gelson Merisio – e o PPS – de Carmen Zanotto, talvez estejam entre as opções.

Outras lideranças do PSB-SC também devem acompanhar a decisão e abandonar o partido.


COMENTE ABAIXO ⬇

resposta(s) publicada(s). (Obs.Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site)