- PUBLICIDADE -

Despesa com chilenos chega a R$ 120 mil

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Comece bem o verão com marmitas caseiras da Light Food BC

Por sua qualidade de vida e saúde, nos dias quentes mantenha uma alimentação saudável com as marmitas da Personal Chef Fit Kris Borba

A despesa da Prefeitura de Balneário Camboriú com os turistas chilenos que ficaram retidos na cidade por causado terremoto deve ficar em torno de R$ 120 mil. O número ainda não foi fechado por que alguns hotéis ainda não havia passados seus relatórios de hóspedes até o final da tarde desta quinta-feira. “Nesta sexta-feira já devem ter toda essa despesa especificada e o valor exato do que nos custou essa operação”, explica o prefeito Edson Piriquito.

Piriquito, baseado na Lei Orgânica Municipal, decretou situação de vulnerabilidade temporária no município para poder auxiliar os cerca de 1.700 turistas que ficaram retidos no final de semana. “O valor foi pequeno pela importância da ação de solidariedade que fizemos. Hoje tenho certeza que fomos iluminados por Deus para tomar a medida correta”, argumenta o prefeito.

De acordo com Piriquito, o diretor da Secretaria de Turismo, Ademar Schenaider, está elaborando um relatório detalhado com os nomes dos turistas e a quantidade de diárias de cada um, bem como a despesa em cada hotel. “Na próxima semana queremos apresentar esse relatório  detalhado para a imprensa, hoteleiros e levar uma cópia para o governador Luiz Henrique, que desde o início da crise colocou-se a disposição para nos auxiliar”, disse.

O prefeito salientou que esse valor ficou abaixo do que a Prefeitura previa porque a maioria dos hoteleiros colaborou e reduziu o valor da tarifa, além de algumas operadoras que bancaram a despesa de seus clientes. “Nós estamos tendo o cuidado de mostrar o valor normal da tarifa e o valor que foi cobrado. Alguns empresários, diante da situação e mostrando a sua solidariedade, chegaram a dar descontos de até 50%, colaborando assim com os turistas e com o município”, assinalou.

Na sua opinião, a ação foi muito positiva para Balneário Camboriú. “Acima de tudo, pudemos ser solidários com esses irmãos nossos que passaram por momento tão difícil e a imprensa se encarregou de mostrar para o Brasil e para o mundo essa atitude da comunidade de Balneário Camboriú”, enfatizou, fazendo questão de agradecer os hoteleiros e pessoas da comunidade que entraram em contato com a Prefeitura oferecendo espaço em suas casas para hospedar os chilenos.

Na manhã desta quinta-feira o último grupo de chilenos, aproximadamente 300 turistas, deixou a cidade em sete ônibus rumo ao aeroporto de Florianópolis para depois partirem para o Chile em vôos fretados.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Mesmo com a pandemia, coleta para reciclagem aumentou 31% neste ano

Ainda em 2019, a coleta de recicláveis deu um salto em BC em decorrência da implantação de novas políticas públicas
- PUBLICIDADE -

Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.