- PUBLICIDADE -

Deputado Fábio Flôr chama atenção para fator que poderá prejudicar a atuação da Guarda Municipal

O parlamentar se disse surpreso com decisão da Delegacia da Polícia Civil de Balneário Camboriú que não vai mais lavrar autos de prisão em flagrante

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

divulgação / Rodrigo Viegas
divulgação / Rodrigo Viegas

O deputado estadual Fábio Flôr (PP) ocupou o espaço reservado aos partidos políticos, durante a sessão ordinária da Assembleia Legislativa desta quinta-feira (2), para destacar a questão de segurança pública no município de Balneário Camboriú.

O parlamentar destacou o papel preponderante da Guarda Municipal de Balneário Camboriú que, segundo ele, “é uma referência em prestação de serviço naquela cidade”, mas chamou atenção para um fator que poderá prejudicar a atuação da mesma. Flôr se disse surpreso com decisão da Delegacia da Polícia Civil de Balneário Camboriú que não vai mais lavrar autos de prisão em flagrante, isso passando a ser apenas possível na Delegacia de Monte Alegre, no município vizinho de Camboriú.

Em suas considerações, o deputado salientou que a Guarda Municipal de Balneário Camboriú possui efetivo maior do que o da Polícia Militar na cidade e que nos últimos 15 anos enquanto a população da região dobrou o efetivo da PM caiu pela metade, daí a importância da atuação da Guarda Municipal. “Hoje, em Balneário Camboriú a PM possui um efetivo de aproximadamente 130 policiais, enquanto a GM possui 146 guardas em atividade”, afirmou.

Outra preocupação do parlamentar, é que os guardas municipais não possuem porte de arma integral. “As prisões efetuadas em Balneário Camboriú pela GM precisarão de auto lavrado no município vizinho e, sem porte integral, os guardas não podem realizar uma diligência intermunicipal, inviabilizando este processo”. Além disso, sem o porte integral, estes guardas correm risco eminente quando estão fora de serviço.

Com objetivo de solucionar este impasse e propor uma alternativa viável para esta medida, o deputado Fábio Flôr vai agendar reunião com o Delegado Geral da Polícia Civil de Santa Catarina, Artur Nitz, e com o secretário de Estado da Administração, João Matos. Na ocasião ele pretende pedir informações sobre a implantação da nova sede da Delegacia Regional de Balneário Camboriú. “A efetivação desta sede da Delegacia Regional acaba com a necessidade de deslocamento ao município vizinho. Os recursos da ordem de R$ 8 milhões já foram destinados, mas o processo licitatório ainda não foi iniciado”, informou.

Contabilidade

Outro assunto abordado pelo parlamentar é a reunião com os profissionais da contabilidade que acontece na próxima terça-feira. Contador por formação, o deputado vai receber uma comitiva com intuito de debater ações para que a classe contribua de maneira efetiva no enfrentamento da crise econômica que abate o país e, consequentemente, Santa Catarina e seus municípios. “O Poder Público precisa ser um fomentador da geração de emprego e renda e a categoria dos contadores exerce função essencial para a contribuição da recuperação da economia”.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Galeria M.I.U. inaugura lado B com a exposição engenhariaREVERSA neste sábado, 12

A Galeria M.I.U. e o artista ONESTOdiesel convidam a todos para o pocketshow e uma tarde de texturas, contrastes, cores, vinhos e um bom papo
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.