Prefeito de Itajaí é alertado sobre demissão em massa de metalúrgicos

A consequência pode gerar um impacto social sem precedentes em Itajaí

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

A vereadora Anna Carolina Martins (PRB) e lideranças do sindicato dos metalúrgicos estiveram no final da tarde desta quinta-feira (12) reunidos com o prefeito Jandir Bellini (PP). O assunto da reunião foi a possível demissão em massa de metalúrgicos que atuam na cidade de Itajaí.

Por conta dos escândalos de corrupção que envolvem a Petrobrás, alguns contratos com empresas e consórcios que atuam na cidade devem ser rompidos. A consequência pode gerar um impacto social sem precedentes em Itajaí.

“A nossa estimativa é de que aproximadamente 10 mil metalúrgicos percam seus empregos”, informa o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas, Material Elétrico e da Construção Naval de Itajaí e Região, Oscar João da Cunha. Segundo ele, a maioria desses trabalhadores não é daqui e as demissões devem ocorrer em até seis meses.

“Não estamos falando só de impostos que deixarão de existir, estamos falando de famílias que entrarão em declínio financeiro o que vai afetar diretamente a economia local. Sem contar o problema social”, afirma a vereadora.

Durante a reunião, o prefeito se comprometeu a agendar um encontro com as lideranças sindicais e o governador do Estado Raimundo Colombo (PSD) ainda no mês de fevereiro. A intenção é tentar amenizar o impasse e reduzir os impactos da possível demissão em massa. “Nesse momento é preciso unir forças”, afirma Anna Carolina.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -