- PUBLICIDADE -

Suspeito de matar ‘Batatinha’ morre em confronto com a PM

Morte do suposto assassino aconteceu 24 horas depois do homicídio, na mesma rua onde o crime ocorreu

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Comece bem o verão com marmitas caseiras da Light Food BC

Por sua qualidade de vida e saúde, nos dias quentes mantenha uma alimentação saudável com as marmitas da Personal Chef Fit Kris Borba

CAMBORIÚ – Nesta quinta-feira, 31.dez.2020, às 19h20, a Polícia Militar foi acionada para verificar uma ocorrência onde estaria havendo uma reunião entre faccionados, de uma facção que atua dentro e fora dos presídios catarinenses, e um dos homens que estaria no evento seria o autor do homicídio ocorrido na noite de quarta-feira (30).

Ainda segundo a denúncia, o suspeito estaria naquele momento de posse de uma arma de fogo em sua cintura, repassando inclusive as características dele.

As informações conferiam com outros dados levantados acerca da autoria do homicídio ocorrido um dia antes, como por exemplo e o autor ser um homem de 19 anos, com extensa ficha criminal (furto, desobediência, resistência, receptação, falsificação de documento, roubo e tráfico) e morador do local em questão apontado na denúncia, corroborando ainda mais o teor dela.

Diante dos fatos, foi deslocado até o local alvo, na Rua Flamboyant, bairro Monte Alegre, e observado o suspeito em frente ao imóvel, mexendo em um objeto na sua cintura. Após o suspeito entrar no local, foi realizada a entrada e visualizado o mesmo manuseando uma arma de fogo.

Diante disso, foi dado voz de abordagem, “Polícia! Mãos na cabeça!”, contudo o homem virou-se rapidamente para os policiais, apontado uma arma de fogo tipo pistola, sendo então repelida a injusta ameaça, sendo alvejado e caindo ao chão.

Imediatamente foi solicitado apoio de outras guarnições e acionado socorro médico, porém o rapaz não resistiu aos ferimentos e morreu.

Foi acionado Polícia Civil, IGP e IML, os quais estiveram presentes para realizar os procedimentos de praxe. Em revista às vestes do autor, a perícia encontrou no bolso de sua jaqueta mais um carregador de pistola calibre 380, carregado com várias munições.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Mesmo com a pandemia, coleta para reciclagem aumentou 31% neste ano

Ainda em 2019, a coleta de recicláveis deu um salto em BC em decorrência da implantação de novas políticas públicas
- PUBLICIDADE -

Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.