- PUBLICIDADE -

Empresário morre em assalto quando voltava da praia com esposa e neta

Mesmo atendendo a solicitação do assaltante, o homem foi baleado no peito

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competência de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios engloba participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

antonio
Arquivo pessoal.

Por volta de 16h40min de quinta-feira (21), o empresário Antonio Marques levou um tiro no peito após ser assaltado na Rua Blumenau, no Bairro Perequê, em Porto Belo. Ele voltava da praia com sua esposa Maria Marlene Marques e a neta, que estava em um carrinho, quando o bandido o abordou, pedindo a corrente de ouro. Mesmo atendendo a solicitação do assaltante, ele foi baleado no peito. Antonio, proprietário da Marbel Confecções, foi conduzido ao hospital em estado grave, mas não resistiu.

Diante da grave ocorrência policiais militares de Balneário Camboriú, Itapema, Porto Belo e Bombinhas deslocaram em diversas direções para buscar por suspeitos com as características repassadas. Durante diligências as guarnições receberam uma informação de que um rapaz com as características do autor estava em atitude suspeita alternando entre correr e andar, de maneira preocupada e inquietante até entrar em uma residência.

Com o apoio de policiais da agência de inteligência de Balneário Camboriú foi descoberto que na casa morava um adolescente de 16 anos, e que este no momento não estava na residência, porém havia chegado por volta das 17h30min e saído em seguida. Após alguns minutos, o adolescente retornou a residência, sendo abordado pelos policiais. Em conversa com os policiais o menor negou qualquer ato delituoso, porém trajava as vestes parecidas e possuía as mesmas características.

Com autorização do proprietário da residência, foram realizadas buscas no local, não sendo encontrado outros indícios do crime. Durante o tempo que as guarnições permaneceram na residência com o adolescente, ele foi fotografado e sua foto foi enviada para que a esposa da vítima, que estava junto no momento da ação, pudesse reconhecê-lo. A mulher, que presenciou o crime, reconheceu o jovem pela fotografia, dando convicção de que havia sido o próprio que efetuou o disparo.

A Guarnição encaminhou o adolescente à Delegacia de Polícia Civil de Porto Belo para reconhecimento, onde a testemunha o reconheceu porém devido seu estado emocional abalado alegou que tinha 99% de certeza. O adolescente se mostrou frio a todo momento, negando o fato e de certa forma calmo.

A Polícia Civil aguarda imagens de monitoramento das proximidades, quais serão levantadas posteriormente para total elucidação do crime.

Infelizmente a vítima, Antonio Marques, de 63 anos,  não resistiu ao ferimento e morreu momentos após o disparo. A corrente de ouro da vítima não foi levada pelo criminoso. Segundo informações, Antônio fez menção de tirar a corrente e o menor pode ter se confundido com uma possível reação.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.