DIC de BC prende estudante de medicina e promotor de eventos

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Guilherme e Paulo. Fotos: DIC BC / Divulgação
Guilherme e Paulo. Fotos: DIC BC / Divulgação

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, cumpriu o mandado de prisão preventiva em desfavor de Guilherme Schmidt Damo, 24 anos, e Paulo Victor Faust, 27 anos, na manhã desta sexta-feira (20), em Balneário Camboriú e Jaraguá do Sul, respectivamente. O estudante de medicina Guilherme e o promotor de eventos Paulo foram indiciados pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

O Caso

No dia 08 de março de 2013, a DIC de Balneário Camboriú prendeu em flagrante, por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, Alcindino Pereira Filho, vulgo “Fofo”, a esposa Maria Aparecida Silva de taide, 29 anos, e o vizinho Marcos Aurelio Barbosa Matos, 39 anos. Os policiais apuraram que além de assaltos, a principal atividade criminosa de Alcindino era o tráfico de vários tipos de drogas como ecstasy, cocaína, LSD e maconha. Ele abastecia toda a região do Vale do Itajaí, mantendo um disque-drogas.

Após a prisão da quadrilha as investigações tiveram continuidade, culminando com a identificação de outros envolvidos. O estudante de medicina Guilherme Schmidt Damo adquiria drogas de Alcindino e comercializava em casas noturnas da região, ao passo que Paulo Victor Faust era o responsável pelo fornecimento de drogas para Alcindino, realizando a comercialização de vultosas quantidades de ecstasy e LSD.

Diante do que restou apurado durante as investigações, a Autoridade Policial representou pela prisão preventiva de Paulo Faust e Guilherme, contudo, na última sexta-feira, Paulo foi preso em flagrante pelos Policiais da DIC de Jaraguá do Sul, quando realizava a entrega de 600 comprimidos de ecstasy naquela cidade.

Na última quarta-feira foi cumprido mandado de busca e apreensão em um apartamento mantido por Paulo Faust na cidade de Brusque para o armazenamento de drogas, contudo, devido a sua prisão na última sexta-feira, comparsas de Paulo estiveram no local e retiraram as substâncias estupefacientes.

Na manhã de hoje (20), após campanas de monitoramento, Guilherme foi preso no pelos policiais da DIC de Balneário Camboriú no momento em que saia de sua residência, localizada no Centro de Balneário Camboriú. Em sequência a prisão, foi dado cumprimento ao mandado de busca e apreensão no local.

Após procedimentos cartorários na sede da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, Guilherme foi encaminhado ao Complexo Penitenciário do Vale do itajaí, no bairro Canhanduba, em Itajaí. Paulo continua preso no Presídio de Jaraguá do Sul.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -