DIC de BC prende homem que estuprou garota de programa

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Foto: DIC BC / Divulgação
Foto: DIC BC / Divulgação

A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, cumpriu o mandado de prisão por sentença definitiva condenatória, em desfavor de Alésio Vansuíta, 29 anos, na noite desta quinta-feira (19), em Camboriú. O autor foi condenado por ter estuprado uma garota de programa.

No dia 20 de julho de 2012, uma garota de programa foi procurada por Vansuíta em um ponto de ônibus próximo ao Hospital Unimed, local em que a vítima realizava programas sexuais. Segundo relatos o autor teria forçado a vítima a praticar sexo oral, pois não tinha dinheiro para pagar o programa. Depois de praticar o ato, o autor teria ido comprar preservativo, momento em que a vítima correu até o Hospital Unimed para pedir ajuda, onde funcionários avisaram a polícia.

O autor foi sentenciado pela 2ª Vara Criminal do Fórum da Comarca de Balneário Camboriú. Em posse do mandado de prisão, os policiais da DIC passaram a diligenciar para a localização e prisão de Vansuíta. Na tarde de quint-feira (19) realizaram campana na residência localizada na Rua Minas Geral, no Centro de Camboriú. No local, os policiais visualizaram o autor entrando em sua residência, momento em que foi proferida a voz de prisão. Familiares de Vansuíta se encontravam no local e foram cientificados da prisão do autor.

O autor foi conduzido até a sede da DIC, sendo conduzido posteriormente ao Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí, onde cumprirá a pena condenatória de 6 anos de prisão.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -