Embaixada do Reino de Deus sofre novo ataque

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Funcionários da Embaixada do Reino de Deus levaram um susto no final da tarde desta sexta-feira (26). Pouco antes do término do expediente na sede administrativa da igreja, homens armados com barras de ferro e tacos de beisebol invadiram o prédio, localizado no centro de Balneário Camboriú, levando medo e terror aos colaboradores. Ninguém se feriu.

De acordo com testemunhas, o ataque teria sido planejado e executado pelo mesmo homem que a cerca de um ano promove ameaças contra os pastores e os membros da instituição evangélica, formada por 3.000 pessoas. O suspeito chegou ao local, na Avenida do Estado, número 3515, por volta das 18h10min. Outros dois desconhecidos o acompanhavam.

Mesmo sem permissão para entrar no ambiente, o grupo invadiu o local de trabalho, onde havia três mulheres e uma criança de 12 anos. Todos conseguiram correr para uma sala e acionar a Polícia Militar. Enquanto isso, os vândalos depredavam o piso do prédio, que ficou bastante danificado. Houve tumulto e gritaria até a chegada dos policiais, que identificaram e prenderam os acusados.

Levado a delegacia da comarca, o causador de tamanha confusão – Leandro Moreti – foi autuado em flagrante por tentativa de agressão e transferido para o Presídio Regional, onde aguarda decisão judicial. As vítimas prestaram depoimento, ainda abaladas, e depois foram liberadas. A Polícia Civil tem um prazo de 30 dias para concluir o inquérito.

Entenda o caso

Esta não é a primeira vez que Leandro Moreti comete atentados contra a Embaixada do Reino de Deus. Em 2009, o suspeito provocou transtornos durante os cultos celebrados no Centro de Eventos da igreja, na Rua 1.950, esquina com a Quarta Avenida. Naquela mesma ocasião, o acusado assediou uma garota, que o denunciou e registrou um boletim de ocorrência (BO).

No total, foram oito BOs registrados contra o acusado. O fato deu origem a um processo no Fórum de Balneário Camboriú, que antes de sua conclusão já determinou que o homem não poderia se aproximar mais de 500 metros da Embaixada, seus pastores e membros da igreja. Apesar da determinação, há cerca de três meses o suspeito voltou a atuar, causando uma nova série de transtornos e prejuízos.

Depois de falsificar e registrar em cartório uma ata de reunião da Embaixada, o homem se passou pelo pastor presidente da igreja e tentou mexer nas

contas bancárias da instituição. O suspeito ainda cancelou as contas de telefone e internet, deixando a Embaixada praticamente sem comunicação.

Diante de tudo isso, o verdadeiro pastor presidente da Embaixada, Michael Aboud, foi orientado por autoridades policiais a manter-se em alerta. “Tive que sair de casa, tirar os filhos da escola, estou andando de carro blindado e colocamos seguranças nos horários de cultos, pois não sei o que pode acontecer comigo e com minha família”, desabafa.

A igreja conta com o apoio da comunidade e da União de Pastores de Balneário Camboriú e região (Unipas), que emitiu uma nota de repúdio (abaixo) cobrando da Justiça uma medida mais enérgica para a resolução deste caso, que mostra a vulnerabilidade dos profissionais que doam seu tempo e sua vida para estabelecer o Reino de Deus.

NOTA DE REPÚDIO

A União de Pastores de Balneário Camboriú e região (Unipas) vem através desta manifestar seu veemente repúdio à atitude do homem que a cerca de um ano vem provocando transtornos e prejuízos financeiros e morais a Embaixada do Reino de Deus.

Na nossa visão, trata-se de um ataque minuciosamente planejado por uma pessoa que visa enfraquecer o trabalho de uma igreja idônea – constituída há 12 anos – e seus diretores, que trabalham única e exclusivamente para promover a paz entre os homens.

Não sabemos qual é o real objetivo desse sujeito, cuja trajetória de vida é desconhecida, porém não vamos nos aquietar enquanto não vermos a Justiça aplicar as medidas necessárias para a garantia da segurança dos envolvidos.

Manifestamos aqui nosso incondicional apoio ao Pastor Michael Aboud e sua família. Isso não pode nem vai nos fazer parar de lutar por uma sociedade mais justa e fraternal, onde os ensinamentos de Jesus Cristo prevalecem.

Balneário Camboriú, 28 de novembro de 2010.

Natanael Nunes Paixão
Presidente
União de Pastores de Balneário Camboriú e região (Unipas)

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -