- PUBLICIDADE -

Edinho, ex-prefeito de Camboriú, se entrega à polícia e se diz inocente

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
Foto: Carla Cavalheiro/Divulgação

Na manhã desta terça-feira, finalmente, o então foragido da polícia, o ex-prefeito de Camboriú, Edson Olegário,  se apresentou no DEIC (Departamento Estadual de Investigações Criminais), na capital. Edinho estava sendo procurado sob acusação de ser o mandante de vários crimes acontecidos no período em que foi prefeito de Camboriú.

Há mais de duas semanas a polícia estava tentando localizar Edinho. Ele teve prisão temporária decretada pela Justiça, que foi transformada em prisão preventiva.

Acampanhado do advogado Roberto Brzezinski Neto, Edinho está sendo ouvido neste momento pelo delegado Renato Hendges.

Em entrevista, por telefone ao Jornal Página3, Edinho disse que não estava foragido. “Eu nunca estive foragido, estava em Joinville comprando material para a minha obra quando soube pela imprensa. Fui a Curitiba, contratei o advogado e fiquei à disposição dele”, declarou o ex-prefeito ao jornal.

Fonte: Página 3 e Notícia Já.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Imobiliária de Balneário Camboriú aluga imóvel em até 30 dias ou paga o condomínio

A imobiliária promete alugar o imóvel em até 30 dias, ou pagar o condomínio ao proprietário
- PUBLICIDADE -