Polícia Militar realiza Operação “Praia Livre do Tráfico” em Balneário Camboriú

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Tear Escola de Negócios abre novas turmas com aulas aos sábados

Inscrições abertas para o Programa de Desenvolvimento de Líderes da Tear Escola de Negócios

Nos últimos dias, a Polícia Militar de Balneário Camboriú tem realizado operações especiais de combate ao tráfico de drogas na região central de Balneário Camboriú. Na ação, policiais militares à paisana, verificam denúncias e constatam tráfico de drogas, abordando pessoas envolvidas com o comércio de entorpecentes. A maioria dos abordagens e apreensões aconteceram na orla da praia central.

Na terça-feira, dia 2, a primeira apreensão ocorreu por voltas das 22h 50min, quando os policiais avistaram um jovem, já conhecido das guarnições por comercializar entorpecente na área central da cidade. No momento, o suspeito entregava um pacote para outro jovem, que, ao perceber a presença dos policiais, tentou dispensar cerca e 40 gramas de maconha. O entregador fugiu, não sendo mais encontrado. O jovem que tentou esconder a droga foi preso e conduzido até a Delegacia de Polícia para os devidos procedimentos.

Cerca de duas horas depois, outros policiais militares, também à paisana, próximo a rua 1121 na Praça da Mão, foram abordados por um homem que lhes ofereceu uma pedra de crack. Ao ser questionado sobre a procedência da droga, o abordado apontou um comparsa, que estava nas proximidades. Foi verificado que ambos possuíam quantidade suficiente para fazer cerca de trinta a quarenta pedras de crack. Com eles, uma jovem de 18 anos foi abordada. A mesma escondia uma bucha de maconha. Diante dos fatos todos foram conduzidos a Delegacia de Polícia para providências cabíveis..

Já na quarta-feira, dia 3, os policiais militares, em operação na Avenida Atlântica, abordaram um homem que comercializava entorpecentes na orla da praia central. Realizada busca, foram encontradas cinco pedras de crack com o mesmo. O abordado informou que teria comprado a droga com outro homem na rua 1400. Em ato contínuo, os policiais foram até o local, onde identificaram dois homens que seriam os fornecedores do entorpecente. Realizada abordagem e busca pessoal, foram encontradas 44 pedras de crack, todas embaladas e prontas para o comércio.

Todos foram detidos e conduzidos a Delegacia de Polícia para procedimentos legais.

Muito embora seja uma operação normal na atividade da Polícia Militar, os policiais se submetem a um grande risco pessoal, uma vez que trabalham completamente desprotegidos. Em uma ação como esta “nunca sabemos o que o traficante estará portando em termos de armas, o que expõe muito o policial militar. Para não levantar suspeitas os policiais não fazem uso de algemas, tonfas ou arma de fogo, eles atuam de forma descaracterizada e infiltrados no meio dos traficantes, prendendo os criminosos ‘na unha’ “, afirma o comandante do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM), tenente coronel Cláudio Roberto Koglin.

Ao todo, oito policiais militares participaram da operação. Com resultados favoráveis e uma boa aceitação por parte dos comerciantes locais, a ação resultou na prisão de 10 (dez) pessoas envolvidas com o tráfico de drogas e na apreensão de cerca de 40 gramas de maconha e quase 100 (cem) pedras de crack. Ainda resultado da operação, foi o levantamento dos pontos onde a incidência de comércio de entorpecentes é maior, sendo possível observar quais são os principais envolvidos e os veículos utilizados na prática desta atividade ilícita.

Segundo o comandante, operações dessa natureza são, e continuarão sendo, realizadas com frequência pela Polícia Militar em toda a cidade de Balneário Camboriú.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Saiba onde comemorar o aniversário de Balneário Camboriú

Balaroti realiza no dia 20 de julho uma festa especial para os clientes
- Publicidade -