- PUBLICIDADE -

Segurança previne vandalismo contra os coletivos

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Trader Jader Nogueira exibe ganhos milionários e contraria matéria do Fantástico

Publicação na rede social do influenciador viralizou e pessoas se identificaram

Foto: Santiago Martin Navia
Foto: Santiago Martin Navia

Com o objetivo de fortalecer as operações de segurança dos moradores e turistas de Balneário Camboriú, o secretário de Gestão em Segurança e Incolumidade Pública, João Olindino Dão Koeddermann, determinou que as escoltas dos ônibus coletivos e o trabalho ostensivo sejam estendidos por tempo indeterminado, inclusive neste feriado de Corpus Christi.

Esta decisão foi tomada no último dia 20, quando houve outro atentado na cidade de São José, onde um ônibus foi incendiado por indivíduos armados. Naquele mesmo dia, o comandante do 12º BPM, Tenente-Coronel Marcello Martinez Hipólito, juntamente com o secretário de Segurança, Dão Koeddermann, o Comandante da Guarda Municipal de Balneário Camboriú, Adelcio Bernardino e o Diretor da Expressul Transporte Coletivo, Evandro Luiz Ern, se reuniram em busca de medidas para evitar que ocorram ações como esta em nossa cidade.

“A Guarda Municipal e os Agentes de Trânsito estão em alerta para qualquer movimentação suspeita, como pessoas com galões de combustível, ou em qualquer outra atitude suspeita”, salientou o secretário Dão Koeddermann.

As escoltas estão sendo feitas desde o dia 20 de maio, à noite e de madrugada, em parceria com a Polícia Militar, e buscam evitar qualquer tipo de atentado, como os ocorridos em outras cidades da região, promovidos por uma facção criminosa. Em oito dias, já foram escoltados 81 ônibus, sem nenhuma ocorrência.


COMENTE ABAIXO ⬇

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

UniAvan promove plantão de matrículas neste sábado com desconto exclusivo

Novos alunos ganharão desconto de 20% na primeira mensalidade de cursos presenciais; Quem optar por graduação EAD começa a pagar só em julho de 2021
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.