- PUBLICIDADE -

Saúde recebe vacinas e comunicado do Ministério

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Desenvolva as suas habilidades e competência de Liderança

Programas de MBA e Masters da Tear Escola de Negócios engloba participantes com ou sem graduação e é semipresencial com duração de 12 meses

Foto: Celso Peixoto
Foto: Celso Peixoto

A Secretaria de Saúde e Saneamento de Balneário Camboriú recebeu nesta semana 800 doses da vacina Dupla Adulto (dT). De acordo com a direção da Vigilância Epidemiológica, o último ofício do Ministério da Saúde referente ao descumprimento de entrega de outros tipos de vacinas, a distribuição da vacina dT seria de maneira gradativa a partir do mês de maio.

Segundo a diretora da Vigilância, Jennifer Gaspar, as demais vacinas estão cobrindo o calendário básico de rotina. “Esperamos que, a partir de agora, a situação volte a normalizar, pois não esperávamos estas doses no mês de março, quantidade que pode nos ajudar a suprir a demanda em Balneário Camboriú. Já a quantidade das outras vacinas que recebemos anteriormente está mantendo o calendário básico na cidade”, afirma.

Confira os tipos de vacinas que estão com atrasos na entrega do cronograma, seguidas pela justificativa do Ministério da Saúde.

Dupla Adulto (dT) – “A vacina é produzida pelo Instituto Butantan (IB). Devido à necessidade de readequação do processo de aquisição que se encontra em andamento, houve descumprimento do cronograma de entrega, comprometendo, assim, a manutenção de estoque estratégico. Foi realizada compra emergencial no Fundo Rotatório OPAS com previsão de chegada para maio. Dessa forma, a distribuição se dará de forma gradativa”.

BCG (contra Tuberculose) – “O processo de aquisição é realizado por meio de convênio entre o Ministério da Saúde e o laboratório produtor Fundação Ataulpho de Paiva (FAP). Devido à necessidade de readequação do processo de aquisição, houver descumprimento do cronograma de entrega, comprometendo, assim, a manutenção de estoque estratégico. No mês de dezembro o laboratório retomou as entregas, no entanto, essa vacina encontra-se bloqueada aguardando a análise e liberação do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde – INCQS. Destaca-se que a distribuição se dará de forma gradativa”.

Meningocócica C (Meningite) – “No mês de Março a CGPNI atenderá a demanda mensal de forma fracionada, assim atendendo a rotina dos estados”.

Tetra Viral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela) – “Houve um atraso no cronograma do laboratório produtor (Biomanguinhos). Esta vacina é produzida por meio de transferência de tecnologia com o laboratório GSK e as importações sofreram atrasos. A retomada das entregas para este produto ocorrerá no mês de abril”.

Vacina Tríplice Viral (Sarampo, caxumba e rubéola) – “Têm ocorrido atrasos e descumprimento no cronograma de entrega pré-estabelecido com o laboratório Bio-Manguinhos devido aos problemas de produção. Por esse motivo, a CGPNI está atendendo a demanda mensal de forma fracionada no decorrer do mês, assim atendendo a rotina dos estados. Esta Coordenação está buscando adquirir um quantitativo excedente, por meio do Fundo Rotatório OPAS, visando recompor o estoque estratégico”.


COMENTE ABAIXO ⬇

Receba as notícias do Click Camboriú pelo Telegram

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Dia das Mães: Maislaser vai presentear 100 pessoas com 10 sessões de depilação a laser

Ganham as 100 primeiras pessoas que ligarem para (47) 3011-0611 ou 3011-0211, ou entrarem em contato pelo WhatsApp 047 99273-2191
- PUBLICIDADE -
Enviar mensagem
Envie seu conteúdo
Envie seus flagras e suas denúncias para a redação do Click Camboriú.