Queda na temperatura não impede proliferação do mosquito da dengue

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Não é porque o verão está longe que os cuidados para evitar a dengue devem parar. Quem pensa que, com a chegada do inverno e diminuição das chuvas, o Aedes aegypti “adormece”, se engana. A dengue não para. Este é o alerta é da Secretaria Municipal de Saúde de Itajaí, considerando que esta estação do ano é o período adequado para combater esse mal e evitar uma epidemia.

Mesmo durante o inverno existem outros meios de reprodução do mosquito, já que muitas pessoas relaxam e cuidam menos dos possíveis focos em suas casas e região onde vivem. As grandes vilãs, por exemplo, são as piscinas, pois no frio os moradores não as usam. Pratinhos de plantas, caixa d’água e ralos abertos e bebedouros de animais também podem se tornar criadouros durante todo o ano.

A ação de prevenção à dengue consiste na vistoria semanal das 591 armadilhas instaladas em diversas regiões da cidade. Além disso, uma outra equipe percorre as residências dos bairros Cordeiros, São João, Cidade Nova, Vila Operaria e Dom Bosco para orientar a população.

Além de receber orientações, os moradores são incentivados a manter limpo seu terreno para que os mosquitos não depositem ovos, que podem se tornar larvas. As larvas positivas, quando não eliminadas, tornam-se mosquitos que transmitem a dengue.

Segundo o Coordenador do Programa de Controle da Dengue, Lúcio Vieira, a quantidade de armadilhas está sendo ampliada em Itajaí. Em três dias, de segunda a quarta-feira (08 a 10 de julho), mais dez armadilhas foram instaladas no Bairro Cordeiros. O próximo bairro foco das ações será o São Vicente, a partir de segunda-feira (15).

Medidas simples que fazem a diferença:

Colocar areia nos pratinhos de plantas;
Manter as lixeiras tampadas;
Lavar a secar os potes de comida e água dos animais;
Manter ralos fechados;
Evitar o acúmulo de entulhos;
Manter as garrafas com o gargalo para baixo;
Tratar as piscinas com cloro e limpar uma vez por semana;
Retirar a água acumulada na laje;
Guardar pneus secos e em locais cobertos;
Manter as calhas desentupidas;
Manter tampados os vasos sanitários que não são utilizados;
Manter as caixas d´ água sempre limpas e cobertas.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -