Hospital Dia aumentará caixa do Santa Inês

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Após encontro com a secretária de Saúde do Estado, Cláudia Zanotto,  o secretário de Saúde de Balneário Camboriú, José Roberto Spósito, quer resolver questões importantes do Hospital Santa Inês.  Um dos temas abordados foi o problema das Autorizações de Internação Hospitalar – AIH e a criação do Hospital Dia.

De acordo com o secretário, as AIH tem um valor que é a média de gastos, e que bem administradas poderão ser revertidas em investimentos para o município aplicar na saúde. Uma das formas de fazer isso, segundo o secretário, é realizar a internação no Santa Inês somente de pacientes com casos mais complexos. “Se você durante um ano interna pacientes que realmente necessitem, como casos graves, que ocasionam um custo elevado, o custo das AIH então aumentam”.  Spósito diz que o cálculo feito para isso, é pela observação do número das autorizações e o quanto ela rendeu em montante financeiro.

Em Santa Catarina, as Autorizações de Internação Hospitalar variam de R$ 300,00 a R$ 1.200,00. Em Balneário Camboriú, gira em torno de R$ 800,00, que, de acordo com Spósito, não é um valor alto para a cidade. Para que esse valor melhore, segundo o secretário, deve-se diminuir o número de internações de pacientes que ficarão internados no hospital por um período curto. Para o secretário, ao melhorar a triagem, já resolveria uma parte da questão.

“Essas AIH baixam o valor unitário, porque tem pouco valor financeiro. Para que isso não aconteça, temos que habilitar o Santa Inês para ter o Hospital Dia, que pretendemos implantar. Nele você tem uma guia própria e só cobra uma diária”, explica.

O secretário conta ainda que, tirando esses pacientes que ficarão no “Hospital Dia”, o Santa Inês ficará apenas com os pacientes que realmente precisem de uma internação maior, o que elevaria a média das AIH de Balneário para em torno de mil reais, ou mais. “Isso aumenta o caixa do hospital”, observa. Na conversa com a secretária Cláudia, Spósito diz que ela sinalizou que daria a autorização para o município fazer o credenciamento do Hospital Dia. “O que permitiria pleitear um AIH com valor unitário mais alto”, complementa.

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -