Agosto registra aumento de 86% na movimentação de cargas no Porto de Itajaí

Atracações e contêineres movimentados também se destacam

Publicado em

- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

Divulgação

O Porto de Itajaí registrou números positivos no balanço mensal de agosto. No saldo de tonelagem, a empresa arrendatária APM Terminals movimentou cerca de 436 mil toneladas de cargas. Se comparado ao mesmo mês de 2017, houve um aumento de 86% com quase 30 mil toneladas a mais.

De agosto de 2017 para o mesmo mês deste ano, o crescimento de TEUs (unidade de medida equivalente a um contêiner de 20 pés) foi de 72%, já que passou de 23.053 para 39.640 TEUs. No mesmo período, a movimentação de toneladas foi de 234 para 436 mil. Neste cenário, o número de embarcações atracadas na margem direita (Itajaí) cresceu em 90% e passou de 20 para 38 navios em operações.

Os resultados apontam a volta da atividade do Porto de Itajaí no mercado mundial, visto que em agosto de 2017 o Porto já havia registrado o melhor desempenho do ano e os números sobem desde então.

Para Héder Cassiano Moritz, assessor de direção da Superintendência do Porto de Itajaí, estes números também se dão ao fato do comércio ficar aquecido depois de junho. “Historicamente, a tendência do segundo semestre é sempre apresentar uma movimentação maior. Junto a isto, tivemos o início de novas operações e a recuperação de linhas e serviços que possibilitam esse aumento na movimentação”, afirma Héder.

No balanço do Complexo Portuário de Itajaí, os números se mantiveram neutros e as variações podem ser interpretadas como estáveis. De 109.030 TEU’s movidos em agosto de 2017, o mês passado registrou 107.779. Já a movimentação em tonelagem era de 1.196.888 e passou para 1.163.149 toneladas.

Esta foi a sexta operação “teste” da General Motors realizada com sucesso.

Posted by Click Itajaí on Tuesday, September 18, 2018

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de BC, Camboriú e Itajaí todos os dias em seu e-mail.

Confirme seu cadastro na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- Publicidade -

VEJA TAMBÉM

- Publicidade -