- PUBLICIDADE -

Excesso de turbidez pode afetar abastecimento de água em Itajaí

População de Itajaí e Navegantes precisam racionar água, pois existe a possibilidade de falta de água

Publicado em

- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Como a cannabis medicinal tem ajudado famosos e não famosos

A Huniq, empresa de cannabis medicinal instalada em Itajaí, é responsável pelo tratamento das quatro histórias apresentadas nessa reportagem
Falta da Agua torneira
Imagem ilustrativa

Devido aos temporais das últimas 24 horas, o excesso de turbidez do rio Itajaí-mirim obrigou o Semasa a diminuir o tratamento de água nesta segunda-feira (14.01). Pede-se aos moradores de Itajaí e Navegantes que façam uso racional da água, evitando atividades não-essenciais, pois existe a possibilidade de baixa pressão, falta de água e turbidez na rede, afetando todo o território de ambas as cidades.

Os detritos arrastados pela agitação do rio forçam a equipe do Semasa a limpar os decantadores e filtros em uma frequência muito acima do normal. A higienização dos equipamentos interrompe a operação, o que compromete o volume de tratamento.

A água do rio Itajaí-mirim que está chegando à ETA (Estação de Tratamento de Água) São Roque possui turbidez em torno de 1.500 ut (unidade de turbidez), enquanto o normal é cerca de 100. A turbidez máxima permitida na água após o tratamento é regulamentada pela Portaria de Consolidação Número 5, editada em 2017 pelo Ministério da Saúde.

Mais informações nos telefones 0800 645 0195 ou 3344-9000.


COMENTE ABAIXO ⬇

Telegram: participe do canal do Click Camboriú

✉ NEWSLETTER

Receba notícias de Balneário Camboriú e região em seu e-mail.

⚠ Confirme na próxima tela e ative o cadastro em seu e-mail.
- PUBLICIDADE -

VEJA TAMBÉM

Imobiliária de Balneário Camboriú aluga imóvel em até 30 dias ou paga o condomínio

A imobiliária promete alugar o imóvel em até 30 dias, ou pagar o condomínio ao proprietário
- PUBLICIDADE -